Aécio tenta liberar no STF obras de arte apreendidas pela PF

Ao todo, 15 quadros e uma escultura apreendidos pela Polícia Federal em maio do ano passado estão em um apartamento mantido pelo parlamentar na Avenida Vieira Souto, no Rio de Janeiro. Aécio informou que quer alugar o imóvel

aécio
aécio (Foto: Leonardo Attuch)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – "A defesa do senador Aécio Neves (PSDB-MG) pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) para transferir de endereço 15 quadros e uma escultura apreendidos pela Polícia Federal em maio do ano passado, em uma operação de busca e apreensão. As obras de arte estão em um apartamento mantido pelo parlamentar na Avenida Vieira Souto, no Rio de Janeiro. Por determinação da PF, João da Silva Ribeiro, funcionário da família, é o responsável pela guarda do material. Aécio informou que quer alugar o imóvel. Por isso, pede para transferir os objetos para outro apartamento da família, na Avenida Atlântica. O ministro Marco Aurélio Mello, relator do processo, deve decidir se as obras de arte ficarão no mesmo endereço, ou se poderão ser transferidas", informa a jornalista Carolina Brígido, no Globo.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247