Alckmin é intimado a depor no dia 15 de agosto

O pré-candidato à presidência da República Geraldo Alckmin (PSDB) foi intimado pelo MP-SP para depor no dia 15 de agosto no inquérito em que o tucano é investigado por suposto recebimento de R$ 10,3 milhões via caixa 2 da Odebrecht para as campanhas de 2010 e 2014 ao governo estadual

Alckmin é intimado a depor no dia 15 de agosto
Alckmin é intimado a depor no dia 15 de agosto (Foto: Agencia Brasil)

SP 247 - O pré-candidato à presidência da República Geraldo Alckmin (PSDB) foi intimado pelo Ministério Público de São Paulo (MP-SP) para depor no dia 15 de agosto no inquérito em que o tucano é investigado por suposto recebimento de R$ 10,3 milhões via caixa 2 da Odebrecht para as campanhas de 2010 e 2014 ao governo estadual.

Também são alvos das investigações Adhemar César Ribeiro, cunhado do tucano, e Marcos Monteiro, ex-secretário e ex-tesoureiro da campanha do ex-governador em 2014. Delatores da empreiteira informaram, por exemplo, que Monteiro era identificado com os codinomes de "Salsicha" e "MM" nas planilhas de pagamentos de propina da Odebrecht.

O presidenciável já havia prestado depoimento, por escrito, no Superior Tribunal de Justiça (STJ), mas o inquérito foi remetido à Justiça Eleitoral, porque o tucano deixou o governo estadual, perdendo o foro privilegiado, para disputar o Planalto.

 

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247