Arthur define voto a favor do impeachment

Com a justificativa de que vai seguir a decisão da bancada, o deputado federal Arthur Lira (PP-AL) anunciou que segue a decisão da bancada do partido e votará a favor da continuidade do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff; já o deputado federal Marx Beltrão (PMDB) deve definir e anunciar o seu voto até esta quinta-feira (14)

Com a justificativa de que vai seguir a decisão da bancada, o deputado federal Arthur Lira (PP-AL) anunciou que segue a decisão da bancada do partido e votará a favor da continuidade do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff; já o deputado federal Marx Beltrão (PMDB) deve definir e anunciar o seu voto até esta quinta-feira (14)
Com a justificativa de que vai seguir a decisão da bancada, o deputado federal Arthur Lira (PP-AL) anunciou que segue a decisão da bancada do partido e votará a favor da continuidade do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff; já o deputado federal Marx Beltrão (PMDB) deve definir e anunciar o seu voto até esta quinta-feira (14) (Foto: Voney Malta)

Alagoas 247 - O deputado federal Arthur Lira (PP) disse que segue a decisão da bancada do partido e votará a favor da continuidade do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff. A decisão foi anunciada nesta terça-feira (11), após reunião na Câmara, pelo líder do partido, Aguinaldo Ribeiro (PB), que já havia informado ser pessoalmente contra o afastamento da petista. Segundo ele, a orientação da liderança na votação em plenário será pela instauração do processo.

Na tarde desta terça-feira (12), o deputado federal Marx Beltrão (PMDB) declarou que também definiu seu voto sobre o impeachment de Dilma e, até esta quinta-feira, será feito o anúncio de seu posicionamento, por meio de suas redes sociais.

Com a decisão de Arthur Lira e se confirmando o posicionamento de Marx pelo impeachment, a bancada dos deputados federais de Alagoas terá cinco votos pelo afastamento da presidente Dilma Rousseff do Palácio do Planalto. JHC (PSB), Maurício Quintella (PR), Cícero Almeida (PMDB) e Pedro Vilela (PSDB) já manifestaram apoio ao afastamento. Já Paulão (PT), Ronaldo Lessa (PDT) e Givaldo Carimbão (PHS) são contrários. 

Com gazetaweb.com

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247