Atividade industrial sofre queda em Pernambuco

A retrao em janeiro chega a 1%, quando comparada a dezembro, Apesar disto, o crescimento sobre o mesmo perodo de 2011 foi de 11,3%. De acordo com o IBGE, a produo industrial caiu em nove dos 14 estados pesquisados

Atividade industrial sofre queda em Pernambuco
Atividade industrial sofre queda em Pernambuco (Foto: Wilson Dias/ABr)

Raphael Coutinho _PE247 – Pernambuco apresentou retração de -1% na atividade industrial no início deste ano. Os dados foram divulgados nesta terça-feira (13) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e representa dados da passagem de dezembro de 2011 para janeiro de 2012. No geral, a produção industrial do país caiu em nove dos 14 locais pesquisados e teve uma média nacional de -2,1%. As maiores perdas foram observadas no Pará (-13,4%) e no Paraná (-11,5%).

Além de Pernambuco, Pará e Paraná, houve redução no Rio de Janeiro (-5,9%), Ceará (-3,1%), São Paulo (-1,7%), Santa Catarina (-1,6%), Minas Gerais (-1,3%) e Espírito Santo (-0,4%). O melhor resultado foi na Bahia, com 12,6%. O crescimento registrado pelos baianos puxou os números para a região Nordeste, que, sozinha, registrou 5,7%. Goiás, com 3,3%, Rio Grande do Sul, com aumento de 0,5% e o Amazonas com 0,1% foram os estados que tiveram aumento na produção de suas indústrias.

Ainda de acordo com o levantamento, na comparação com janeiro de 2011, o IBGE apurou queda em sete dos 14 locais pesquisados. O documento destaca que o mês de janeiro de 2012 teve um dia útil a mais do que janeiro de 2011. Os locais que apresentaram quedas mais expressivas do que a média nacional, que nessa base de comparação ficou em –3,4%, foram Santa Catarina (-10,3%), o Rio de Janeiro (-9,2%), o Pará (-8,5%), o Ceará (-8,3%) e São Paulo (-6,3%). As demais taxas negativas foram observadas no Espírito Santo (-2,8%) e em Minas Gerais (-2,4%).

Já Goiás (25,4%) assinalou o crescimento mais acentuado, refletindo, especialmente, a maior produção do setor de produtos químicos (medicamentos). Também com resultados positivos aparecem: Pernambuco (11,3%), Rio Grande do Sul (7,8%), Bahia (6,5%), Paraná (4,8%), Região Nordeste (3,8%) e Amazonas (1,7%).

No índice acumulado nos últimos 12 meses, na média nacional, houve queda de 0,2% em janeiro, o primeiro resultado negativo desde março de 2010 (-0,3%), mantendo a trajetória descendente iniciada em outubro de 2010 (11,8%).

Com informações da Agência Brasil.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247