Bitcoins foram o grande fenômeno da tecnologia, diz Gilson Schwartz

Para Gilson Schwartz, resta saber como lidar com essa inovação da internet, que é a reinvenção do dinheiro.

Bitcoins foram o grande fenômeno da tecnologia, diz Gilson Schwartz
Bitcoins foram o grande fenômeno da tecnologia, diz Gilson Schwartz

Do Jornal da USP.

A moeda digital acabou se constituindo no grande fenômeno do mundo da inovação tecnológica digital no ano de 2017. Até o Banco Central emitiu parecer, no qual alega estar distante das experimentações com os chamados bitcoins. “Afinal, qual é a origem do direito para criar moeda? Qual é o fundamento, não apenas tecnológico, da existência de dinheiro na sociedade, e como os meios digitais, as redes digitais, transformam a realidade e a própria necessidade de moedas em novas possibilidades?”, indaga o professor Gilson Schwartz em sua coluna “Iconomia”.

O fato é que se trata de algo que não pode ser ignorado em um universo de mercado feito de ícones digitais, pois, no mundo virtual, tudo é possível. Não é à toa que as moedas digitais entraram na pauta dos Bancos Centrais do mundo todo.

Ouça o programa dele na Rádio USP aqui.

Gilson Schwartz é professor livre-docente em Economia do Audiovisual no Departamento de Cinema, Rádio e TV da Escola de Comunicações e Artes (ECA) da USP. Criou o grupo de pesquisa “Cidade do Conhecimento” (www.cidade.usp.br) no Instituto de Estudos Avançados da USP. É pesquisador associado do Núcleo de Pesquisa em Política e Gestão Tecnológica da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade (FEA) e professor do programa de pós-graduação interdisciplinar “Diversitas” na Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH) da USP.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247