Caiado critica ACM Neto por DEM apoiar Alckmin

O senador e candidato ao governo de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), afirma que ainda não decidiu quem vai apoiar para a presidência da República; em entrevista ao jornal O Popular, publicada nesta quinta-feira, Caiado deixa claro seu descontentamento com o comando nacional do seu partido, hoje nas mãos do prefeito ACM Neto; em âmbito nacional, o DEM escolheu apoiar o candidato tucano Geraldo Alckmin, mas Caiado não comunga da decisão; "Meu partido está acéfalo. Eu lutei muito para que tivéssemos candidato e não tivemos. Então não tenho compromissos", disse Caiado, que até chegou a trabalhar nos bastidores para ser candidato ao Planalto, porém se deparou com grande resistência interna

Caiado critica ACM Neto por DEM apoiar Alckmin
Caiado critica ACM Neto por DEM apoiar Alckmin

Goiás 247 - O senador e candidato ao governo de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), afirma que ainda não decidiu quem vai apoiar para a presidência da República. Em entrevista ao jornal O Popular, publicada nesta quinta-feira, Caiado deixa claro seu descontentamento com o comando nacional do seu partido, hoje nas mãos do prefeito ACM Neto. Em âmbito nacional, o DEM escolheu apoiar o candidato tucano Geraldo Alckmin, mas Caiado não comunga da decisão.

"Meu partido está acéfalo. Eu lutei muito para que tivéssemos candidato e não tivemos. Então não tenho compromissos", disse Caiado, que até chegou a trabalhar nos bastidores para ser candidato ao Planalto, porém se deparou com grande resistência interna. 

Caiado avisa que vai consultar seus eleitores para decidir em qual palanque subir. Em Goiás, Alckmin tem como aliados o ex-governador Marconi Perillo e o governador José Eliton, que é candidato à reeleição. Então, é quase impossível que Caiado peça um mísero voto para o ex-governador de São Paulo. 

"A questão da disputa nacional nunca foi relevante em Goiás. É sempre secundário porque o Estado não nacionaliza a campanha. Eu vou me ocupar daquilo que o goiano está interessado sobre o estado. E vou refletir mais adiante. Vou consultar meu eleitorado", disse Caiado ao jornal O Popular. 

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247