Câmara conclui revisão de seu regimento interno

Com a votação dos três últimos títulos da proposta apresentada pelo vereador Edvaldo Brito (à direita), a Câmara Municipal de Salvador concluiu a revisão de seu regimento interno; "Este foi um dia histórico para esta Casa. Chegamos ao final de um processo vitorioso, liderado pelo presidente Paulo Câmara (PSDB)", disse Brito, que também é advogado e professor de direito tributário; para o vereador, "o maior ganho" será a modernização dos trâmites legislativos; o presidente da Casa, vereador Paulo Câmara (à esquerda), parabenizou Edvaldo pela condução do trabalho

Com a votação dos três últimos títulos da proposta apresentada pelo vereador Edvaldo Brito (à direita), a Câmara Municipal de Salvador concluiu a revisão de seu regimento interno; "Este foi um dia histórico para esta Casa. Chegamos ao final de um processo vitorioso, liderado pelo presidente Paulo Câmara (PSDB)", disse Brito, que também é advogado e professor de direito tributário; para o vereador, "o maior ganho" será a modernização dos trâmites legislativos; o presidente da Casa, vereador Paulo Câmara (à esquerda), parabenizou Edvaldo pela condução do trabalho
Com a votação dos três últimos títulos da proposta apresentada pelo vereador Edvaldo Brito (à direita), a Câmara Municipal de Salvador concluiu a revisão de seu regimento interno; "Este foi um dia histórico para esta Casa. Chegamos ao final de um processo vitorioso, liderado pelo presidente Paulo Câmara (PSDB)", disse Brito, que também é advogado e professor de direito tributário; para o vereador, "o maior ganho" será a modernização dos trâmites legislativos; o presidente da Casa, vereador Paulo Câmara (à esquerda), parabenizou Edvaldo pela condução do trabalho (Foto: Romulo Faro)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Bahia 247 - Com a votação dos três últimos títulos da proposta apresentada pelo vereador Edvaldo Brito (PTB), a Câmara Municipal de Salvador concluiu na sessão ordinária de quarta-feira (23) a revisão de seu regimento interno. "Este foi um dia histórico para esta Casa. Chegamos ao final de um processo vitorioso, liderado pelo presidente Paulo Câmara (PSDB)", disse Brito, que também é advogado e professor de direito tributário.

Para o vereador, "o maior ganho" será a modernização dos trâmites legislativos. Edvaldo disse ainda que o processo de revisão do regimento interno envolveu todos os 43 parlamentares.

O presidente da Casa, vereador Paulo Câmara (PSDB) parabenizou Edvaldo Brito pela condução do trabalho. Os títulos IX, X e XI, aprovados no bojo do projeto de Resolução nº 58/15, reúnem as disposições finais, incluindo regras importantes como a definição de quóruns e tramitação de projetos referentes a honrarias.

Os vereadores votaram também o Projeto de Emenda à Lei Orgânica Municipal nº 06/15, de autoria conjunta de diversos vereadores, com adequações ao novo Regimento Interno da Câmara. "São normas que precisavam de agasalho na Lei Orgânica para ter legitimidade", explicou Edvaldo Brito.

Além disso, aprovaram o Projeto de Lei nº 264/15, da Mesa Diretora, que dispõe sobre a publicação dos atos do Legislativo municipal em Diário Oficial Eletrônico.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247