Citadini critica tentativa de Alckmin de privatizar linhas do metrô

Conselheiro do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP), Antônio Roque Citadani criticou a tentativa do governador Geraldo Alckmin (PSDB) de privatizar as linhas 5 e 17 do metrô e que elas” virem um ônus enorme para o governo que passe a ter que indenizar as concessionárias”; ele também disse que o TCE já tomou dois cavalos de pau na linha amarela, “que disseram ser uma PPP, não é PPP coisa nenhuma”; Citadani também afirmou que a linha 6, “vendida como a oitava maravilha do mundo, acabou mostrando que não é maravilha nenhuma e é um desastre para as pessoas que tiveram os seus imóveis desapropriados”; veja o vídeo

Conselheiro do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP), Antônio Roque Citadani criticou a tentativa do governador Geraldo Alckmin (PSDB) de privatizar as linhas 5 e 17 do metrô e que elas” virem um ônus enorme para o governo que passe a ter que indenizar as concessionárias”; ele também disse que o TCE já tomou dois cavalos de pau na linha amarela, “que disseram ser uma PPP, não é PPP coisa nenhuma”; Citadani também afirmou que a linha 6, “vendida como a oitava maravilha do mundo, acabou mostrando que não é maravilha nenhuma e é um desastre para as pessoas que tiveram os seus imóveis desapropriados”; veja o vídeo
Conselheiro do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP), Antônio Roque Citadani criticou a tentativa do governador Geraldo Alckmin (PSDB) de privatizar as linhas 5 e 17 do metrô e que elas” virem um ônus enorme para o governo que passe a ter que indenizar as concessionárias”; ele também disse que o TCE já tomou dois cavalos de pau na linha amarela, “que disseram ser uma PPP, não é PPP coisa nenhuma”; Citadani também afirmou que a linha 6, “vendida como a oitava maravilha do mundo, acabou mostrando que não é maravilha nenhuma e é um desastre para as pessoas que tiveram os seus imóveis desapropriados”; veja o vídeo (Foto: Voney Malta)

SP 247 - O conselheiro Antônio Roque Citadani, durante sessão do Pleno do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP), criticou a tentativa do governador Geraldo Alckmin (PSDB) de privatizar as linhas 5 e 17 do metrô. Sobre as atuais linhas que o governo quer privatizar, Citadani disse temer que elas” virem um ônus enorme para o governo que passe a ter que indenizar as concessionárias".

Segundo Roque Citadini, o TCE já tomou dois cavalos de pau na linha amarela, “que disseram ser uma PPP (Parceria público Privada),não é PPP coisa nenhuma como estamos vendo nos dias atuais”. Ele reclamou, ainda, que a linha 6, “vendida como a oitava maravilha do mundo, acabou mostrando que não é maravilha nenhuma e é um desastre para as pessoas que tiveram os seus imóveis desapropriados”.

Veja o vídeo:

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247