Depois de 22 dias acampados na Paulista, MTST obtém concessão do governo Temer

Depois de uma ocupação na Avenida Paulista que durou 22 dias, o Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) arrancou na noite dessa quarta-feira, 8, uma vitória do governo de Michel Temer; em reunião com de líderes do movimento em Brasília, o ministro das Cidades, Bruno Araújo, atendeu as reivindicações em relação à faixa 1 do Programa Minha Casa Minha Vida, em 2017;  “Para as próximas semanas 170 mil novas unidades habitacionais serão contratadas na Faixa 1: 100 mil no Fundo de Arrendamento Residencial, 35 mil rural e 35 mil na modalidade urbana”, afirmou Araújo; vitória foi comemorada pelos militantes na Paulista; veja no vídeo acima 

Depois de uma ocupação na Avenida Paulista que durou 22 dias, o Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) arrancou na noite dessa quarta-feira, 8, uma vitória do governo de Michel Temer; em reunião com de líderes do movimento em Brasília, o ministro das Cidades, Bruno Araújo, atendeu as reivindicações em relação à faixa 1 do Programa Minha Casa Minha Vida, em 2017;  “Para as próximas semanas 170 mil novas unidades habitacionais serão contratadas na Faixa 1: 100 mil no Fundo de Arrendamento Residencial, 35 mil rural e 35 mil na modalidade urbana”, afirmou Araújo; vitória foi comemorada pelos militantes na Paulista; veja no vídeo acima 
Depois de uma ocupação na Avenida Paulista que durou 22 dias, o Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) arrancou na noite dessa quarta-feira, 8, uma vitória do governo de Michel Temer; em reunião com de líderes do movimento em Brasília, o ministro das Cidades, Bruno Araújo, atendeu as reivindicações em relação à faixa 1 do Programa Minha Casa Minha Vida, em 2017;  “Para as próximas semanas 170 mil novas unidades habitacionais serão contratadas na Faixa 1: 100 mil no Fundo de Arrendamento Residencial, 35 mil rural e 35 mil na modalidade urbana”, afirmou Araújo; vitória foi comemorada pelos militantes na Paulista; veja no vídeo acima  (Foto: Aquiles Lins)

SP 247 - Depois de uma ocupação na Avenida Paulista que durou 22 dias, o Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) arrancou na noite dessa quarta-feira, 8, uma vitória do governo de Michel Temer. 

Em reunião com de líderes do MTST e do Movimento Nacional de Luta pela Moradia (MNLM) com o ministro das Cidades, Bruno Araújo, em Brasília, o ministro sinalizou o atendimento às reivindicações do movimento em relação à faixa 1 do Programa Minha Casa Minha Vida, em 2017.

 “Para as próximas semanas 170 mil novas unidades habitacionais serão contratadas na Faixa 1: 100 mil no Fundo de Arrendamento Residencial, 35 mil rural e 35 mil na modalidade urbana”, afirmou Araújo. 

A informação foi comemorada no acampamento do MTST na Paulista. A assembleia de encerramento da ocupação foi puxada somente pelas mulheres do movimento. A próxima batalha do movimento é contra a reforma da Previdência. 

Confira no vídeo acima. 

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247