Deputado pede compreensão para uso consciente da água

O presidente do PSB/SE e deputado federal, Valadares Filho, prestou solidariedade ao povo sergipano, que no último sábado (9), foi surpreendido com o desabamento de uma ponte federal, localizada às margens da BR 101, mais precisamente no povoado Pedra Branca, município de Laranjeiras, provocando o rompimento de duas das mais importantes adutoras do sistema de abastecimento de água do estado de Sergipe; o parlamentar parabenizou a agilidade do governo na tomada de medidas emergenciais e pediu compreensão da população para o período de escassez

O presidente do PSB/SE e deputado federal, Valadares Filho, prestou solidariedade ao povo sergipano, que no último sábado (9), foi surpreendido com o desabamento de uma ponte federal, localizada às margens da BR 101, mais precisamente no povoado Pedra Branca, município de Laranjeiras, provocando o rompimento de duas das mais importantes adutoras do sistema de abastecimento de água do estado de Sergipe; o parlamentar parabenizou a agilidade do governo na tomada de medidas emergenciais e pediu compreensão da população para o período de escassez
O presidente do PSB/SE e deputado federal, Valadares Filho, prestou solidariedade ao povo sergipano, que no último sábado (9), foi surpreendido com o desabamento de uma ponte federal, localizada às margens da BR 101, mais precisamente no povoado Pedra Branca, município de Laranjeiras, provocando o rompimento de duas das mais importantes adutoras do sistema de abastecimento de água do estado de Sergipe; o parlamentar parabenizou a agilidade do governo na tomada de medidas emergenciais e pediu compreensão da população para o período de escassez (Foto: Valter Lima)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Assessoria - O presidente do PSB/SE e deputado federal, Valadares Filho, prestou solidariedade ao povo sergipano, que no último sábado (9), foi surpreendido com o desabamento de uma ponte federal, localizada às margens da BR 101, mais precisamente no povoado Pedra Branca, município de Laranjeiras, provocando o rompimento de duas das mais importantes adutoras do sistema de abastecimento de água do estado de Sergipe.

A ponte já se encontrava desativada pra o fluxo de veículos. O rompimento de duas adutoras do São Francisco, responsáveis pelo abastecimento de até 80% da região metropolitana de Aracaju, pode prejudicar o fornecimento de água tratada, através da Companhia de Saneamento de Sergipe - Deso, a 1 milhão de usuários.

"Uma situação emergencial, fruto de um imprevisto, que mobilizou, sob a liderança do excelentíssimo governador do Estado Jackson Barreto, a formação de um força-tarefa, que uniu, em mutirão, os órgãos federais, como o Exército Brasileiro, a Polícia Rodoviária Federal, e o Dnit; além de todos os órgãos estaduais, como dos serviços de infraestrutura, de saneamento e abastecimento e dos serviços de socorro, como Defesa Civil, Samu e Corpo de Bombeiros Militar, já que foram registradas quatro vítimas não fatais, no local, no momento do desabamento", ressaltou.

"Com o rompimento das duas adutoras no último sábado, apesar do esforço do Governo do Estado, - que iniciou de imediato a implantação de uma adutora de emergência -, a regularidade do abastecimento na capital, Aracaju, e nos municípios de Nossa Senhora do Socorro, Barra dos Coqueiros e parte de São Cristóvão, ficou comprometida visto que a capacidade de fornecimento de água foi reduzida a 30% do abastecimento normal", lamentou.

Para o deputado, numa demonstração de responsabilidade, sensibilidade e comprometimento, o governador Jackson Barreto anunciou que, até o próximo final de semana, o abastecimento voltará a ser normalizado com a conclusão da construção emergencial da nova adutora. "Até que se concluam estas obras, o Governo do Estado sensibiliza a população para um consumo consciente, através da realização de um rodízio, com o qual o Governo do Estado pretende assistir a todas as cidades da região metropolitana, com a redistribuição da capacidade atual. A expectativa da equipe técnica do Governo é de que nenhum bairro da região metropolitana passe mais de 24h com a suspensão do fornecimento de água" , destacou.

Ele parabenizou o governador Jackson Barreto e toda a sua equipe que, visando assegurar o abastecimento nos quatro municípios atingidos, ainda no início da manhã da segunda-feira (11/05), reuniu os quatro prefeitos para tratar das dificuldades de restabelecimento da água em cada cidade individualmente.

Ele elogiou o governador que, ainda na manhã da segunda-feira, também assinou o decreto de emergência, possibilitando a agilização das obras de reconstrução do sistema.

"Medidas emergenciais de redução de danos à população também foram adotadas para garantir regularidade no abastecimento de hospitais, maternidades, unidades e postos de saúde , através do fornecimento de carros-pipa", lembrou.

Outra medida importante adotada pelos governos estadual e municipal foi a suspensão das atividades nas escolas públicas, preservando cerca de 100 mil estudantes do desabastecimento nas redes.

O deputado pediu a colaboração da população. "Pedimos a compreensão do povo sergipano para o uso consciente da água, especialmente neste momento de escassez no abastecimento e colocamo-nos à disposição do Governo de Sergipe para buscarmos socorro emergencial junto aos órgãos do Governo Federal".

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247