Desafio de Adriana é superar desgaste de Paulo

Deputada estadual é a preferida de Paulo Garcia para ser candidata do PT à prefeitura de Goiânia; ela diz que já trabalha pela candidatura e espera ser escolhida pelo partido; desafio de Adriana, no entanto, é superar os desgastes da administração de seu maior apoiador, o próprio prefeito; Paulo Garcia chegou a ter 80% de rejeição e viu 2016 começar com problemas que atormentam sua gestão há anos; problemas de matrícula de crianças em creches foi notícia nacional na TV Globo e o jornal O Popular revelou que a Comurg continua a pagar supersalários de R$ 40 mil

adriana accorsi
adriana accorsi (Foto: José Barbacena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Goiás 247 - A deputado estadual Adriana Accorsi é quem desponta no PT ser candidata a prefeita de Goiânia. Filha do ex-prefeito Darci Accorsi e eleita com 40 mil votos em 2014, Adrian tem a preferência do prefeito Paulo Garcia e já começa a se movimentar para consolidar seu projeto.

"Eu espero realmente ser a escolhida pelo meu partido. As conversas estão acontecendo no debate com a militância. Já estou trabalhando para ser a candidata", disse a petista ao Jornal Opção. O principal desafio de Adriana, no entanto, é superar o desgaste do seu maior entusiasta e apoiador político, o próprio Paulo Garcia.

O petista herdou a administração de Iris Rezende em 2010 e foi eleito em 2012 com facilidade. Os últimos quatro anos foram de crises administrativas e escândalos que viraram notícia nacional, como a greve dos professores, a crise na coleta de lixo e os supersalários na Comurg.

Paulo Garcia chegou a ter rejeição de 80% e em 2015, principalmente no segundo semestre, colocou uma agenda positiva em prática, anunciando obras no valor de R$ 1 bilhão. O ano de 2016 começa revivendo problemas conhecidos pelo prefeito. Apenas nesta segunda-feira, o Bom Dia Brasil, da TV Globo, mostrou que pais não conseguem fazer matrícula dos filhos nas creches e o jornal O Popular revelou que a Comurg continua pagando salários que chegam a R$ 40 mil.

 Se for mesmo a escolhida pelo PT, Adriana Accorsi terá que se esforçar para superar a herança de Paulo Garcia ou torcer para que o prefeito faça uma gestão espetacular no último ano e apagando da memória do goianiense todos os erros cometidos em cinco anos.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247