Djalma e Clécio: briga vai parar no Conselho de Ética

Presidente da Câmara aciona vereador petista por quebra de decoro de parlamentar; os dois tiveram intenso bate-boca durante debate sobre obra da empresa Hypermarcas; Djalma é contra a continuidade do empreendimento e aponta diversas irregularidades; Clécio ignora opinião do colega de base aliada e quer dar sequência ao projeto; Conselho de Ética vai avaliar atitude de Djalma nesta quinta-feira

Djalma e Clécio: briga vai parar no Conselho de Ética
Djalma e Clécio: briga vai parar no Conselho de Ética
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Goiás 247_ O bate-boca acalorado entre o presidente da Câmara Municipal, Clécio Alves, e o vereador Djalma Araújo (PT), teve consequências - e maiores para o petista, conhecido pela sua rebeldia e não recuar de suas convicções.

Os dois discutiram em plenário na semana passada devido à obra da empresa Hypermarcas próximo aos Campus Samambaia da UFG. Djalma quer a paralisação do empreendimento e aponta diversas irregularidades, já Clécio não concorda com a opinião do colega.

Devido à discussão verbal forte em plenário, Clécio fez uma representação no Conselho de Ética da Casa em desfavor de Djalma. O conselho vai se reunir nesta quinta-feira, às 15h, para avaliar se houve quebra de decoro parlamentar da parte do petista durante votação de pedido de vistas ao seu requerimento de Audiência Pública para discutir a instalação da Hypermarcas.

O pedido de vista foi feito pelo vereador Clécio Alves, o que acabou gerando reação do vereador petista que teria ofendido o presidente da Casa. 

A relação de Djalma com a base aliada de Paulo Garcia (PT) não é das melhores. O vereador discorda de quase tudo que é relativo à prefeitura e não esconde isso. Faz comentários, vota contra e age conforme sua cabeça, o que vira um tormento para o prefeito e outros vereadores da base.

No PT a crise também está instalada e o desafeto de Djalma é o deputado estadual Luis Cesar Bueno. Os dois trocaram farpas públicas ao vivo numa rádio da Capital. Djalma, conhecido por ser petista roxo, não foi à sessão solene em homenagem aos 33 anos do partido e realizada na Assembleia na segunda-feira.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email