Em baixa nas pesquisas, Vanderlan e Gomide atacam

Candidatos do PSB e PT não poupam governo estadual e carregam nas críticas nos programas eleitorais e em entrevistas; Vanderlan Cardoso insinua que governador não tem comando das ações e já promete demitir 60% dos comissionados do Estado; Antônio Gomide critica até construção do hospital Hugo 2 e diz que governo abandona os municípios; campanha agressiva, porém, não surte efeito; os dois seguem longe de Marconi, como mostra a mais recente pesquisa Serpes, e veem Marconi crescer e se aproximar da vitória no primeiro turno

gomide vanderlan
gomide vanderlan (Foto: José Barbacena)

Goiás247 - Vanderlan Cardoso (PSB) e Antônio Gomide (PT) estão longe de incomodar Marconi Perillo (PSDB) e Iris Rezende (PMDB) na disputa pelo governo do Estado. Nesta reta final da campanha, o empresário e o candidato petista apostam no discurso agressivo contra o governador na tentativa de crescer nas pesquisas.

Na última pesquisa Serpes/O Popular, Vanderlan apareceu com 8,7% e Gomide com 5,2%. Enquanto Marconi obteve 39,2% e Iris, 24,2%. Na noite desta segunda-feira, os candidatos mostraram novos programas eleitorais na TV e tanto Vanderlan como Gomide miraram o governo estadual.

Vanderlan atacou a segurança pública e falou de suas propostas para a área. Gomide abordou a educação e atacou as políticas do governo no setor. Na segunda-feira, o petista participou de uma sabatina no jornal O Popular e durante uma hora carregou nos ataques ao governador Marconi Perillo. Gomide criticou até mesmo a construção do hospital Hugo 2, na Região Noroeste de Goiânia.

Hoje foi a vez de Vanderlan participar da sabatina. O empresário usou a mesma tática de Gomide e priorizou nos ataques. Sugeriu que o governador não tem comando das ações e criticou a construção dos Credeqs (os centros de reabilitação para dependentes químicos).

O caminho escolhido pela oposição ainda não surte efeito. Tanto o Serpes como o instituto Fortiori mostram que Marconi está próximo de vencer no primeiro turno. E a diferença do tucano para Iris e os demais está aumentando. Nos próximos dias, o governador intensifica as ações de rua em Goiânia e Região Metropolitana para diminuir a diferença para Iris, que lidera na Capital.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247