Em Goiás, Marconi lança 19ª edição do Fica

Em dois atos de forte abrangência cultural, o governador Marconi Perillo lançou, na noite de sexta-feira, na cidade de Goiás, a 19ª edição do Festival de Cinema e Vídeo Ambiental (Fica) e inaugurou, em parceria com a prefeitura de Goiás e o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Cultural (Iphan), a requalificação do Cine Teatro São Joaquim, principal espaço cultural antiga Vila Boa; criado por Marconi em seu primeiro governo, o Fica é hoje um dos principais festivais de cinema ambiental do mundo

Em dois atos de forte abrangência cultural, o governador Marconi Perillo lançou, na noite de sexta-feira, na cidade de Goiás, a 19ª edição do Festival de Cinema e Vídeo Ambiental (Fica) e inaugurou, em parceria com a prefeitura de Goiás e o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Cultural (Iphan), a requalificação do Cine Teatro São Joaquim, principal espaço cultural antiga Vila Boa; criado por Marconi em seu primeiro governo, o Fica é hoje um dos principais festivais de cinema ambiental do mundo
Em dois atos de forte abrangência cultural, o governador Marconi Perillo lançou, na noite de sexta-feira, na cidade de Goiás, a 19ª edição do Festival de Cinema e Vídeo Ambiental (Fica) e inaugurou, em parceria com a prefeitura de Goiás e o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Cultural (Iphan), a requalificação do Cine Teatro São Joaquim, principal espaço cultural antiga Vila Boa; criado por Marconi em seu primeiro governo, o Fica é hoje um dos principais festivais de cinema ambiental do mundo (Foto: José Barbacena)

Goiás 247 - Em dois atos de forte abrangência cultural, o governador Marconi Perillo lançou, na noite desta sexta-feira, na cidade de Goiás, a 19ª edição do Festival de Cinema e Vídeo Ambiental (Fica) e inaugurou, em parceria com a prefeitura de Goiás e o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Cultural (Iphan), a requalificação do Cine Teatro São Joaquim, principal espaço cultural antiga Vila Boa.

O governador, ao saudar os vilaboenses pelo novo espaço cultural, falou de sua felicidade em lançar, numa única noite, o restauro do Cine Teatro São Joaquim e a 19ª edição do Fica, festival do qual teve a honra de lançar em 15 oportunidades. Disse que nunca deixou, desde que se elegeu governador, que alguém faça uso político da cultura. Por exemplo, explicou, sempre defendeu o nome de Salma Saddi na superintendência do Iphan.

Afirmou também que “tem orgulho de ter sido sempre um governador atento às questões culturais”. Marconi lembrou, por exemplo, da luta para que Goiás fosse declarada Patrimônio Mundial. Ao final da fala, declarou oficialmente aberta 19ª edição do Fica.


Marconi apoia protesto de jovens contra preconceito por questões de orientação sexual

Antes de iniciar o pronunciamento, o governador foi interrompido por um grupo de jovens que protestaram contra a homofobia e chamando a atenção da plateia para as mais variadas formas de discriminação contra a população LGBT. Marconi ouviu atentamente os jovens e pediu que a plateia os aplaudisse, porque sempre se posicionou frontalmente qualquer forma discriminação por questões de orientação sexual.

Em seguida, lembrou que o Governo de Goiás, por meio da Secretaria Cidadã e da Igualdade, sempre abriu espaços para atuação de segmentos de defesa da causa LGTB. Os jovens, no protesto, condenaram atitudes de “fascistas preconceituosos”. Marconi sugeriu que eles ficassem atentos de modo a permitir que “fascistas” não sejam eleitos nas próximas eleições.



Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247