Empresas sul-coreanas ampliam negócio de compras online com investimento de US$940 mi

O negócio será a maior transação de capital privado na Coreia do Sul desde 2015.

Empresas sul-coreanas ampliam negócio de compras online com investimento de US$940 mi
Empresas sul-coreanas ampliam negócio de compras online com investimento de US$940 mi (Foto: REUTERS/Gary Cameron/File Photo)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

(Reuters) - As varejistas sul-coreanos Shinsegae e E-Mart, disseram que receberão 940 milhões de dólares de empresas de private equity, esperando capitalizar um aumento nas compras de supermercado online e outros comércios eletrônicos em um dos países mais conectados no mundo.

Com financiamento do Affinity Equity Partners e do BRV Capital Management, ambos fundos de private equity com sede na Ásia, a operadora de loja de departamentos Shinsegae e a subsidiária do supermercado E-Mart apresentaram ambições de derrubar o eBay da posição de varejista de comércio eletrônico líder do país.

“O E-Mart é incomparável no mercado de compras online graças ao seu serviço de entrega rápido”, disse Seo Jung-yeon, analista da Shinyoung Investment.

As ações em ambas as empresas subiram aos níveis mais altos em seis anos com o acordo preliminar. O E-Mart saltou 15 por cento para uma capitalização de mercado de 7,7 bilhões de dólares, enquanto a Shinsegae ganhou 10 por cento, avaliado em 3,2 bilhões de dólares.

O negócio será a maior transação de capital privado na Coreia do Sul desde 2015.

Por Hyunjoo Jin

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247