Ex-DEM, Nitinho se filia ao PSD e apoiará Valadares Filho para prefeito

O vereador Josenito Vitale, o Nitinho, que deixou o DEM, partido liderado pelo prefeito João Alves Filho, assinou sua ficha de filiação ao PSD nesta segunda (21) e vai acompanhar o projeto do partido na capital em 2016, apoiando a pré-candidatura do deputado federal Valadares Filho (PSB) para prefeito da capital; ele diz que não havia mais “clima”, mais “ambiente” dentro da legenda, e decidiu apostar em um projeto mais voltado para a juventude

O vereador Josenito Vitale, o Nitinho, que deixou o DEM, partido liderado pelo prefeito João Alves Filho, assinou sua ficha de filiação ao PSD nesta segunda (21) e vai acompanhar o projeto do partido na capital em 2016, apoiando a pré-candidatura do deputado federal Valadares Filho (PSB) para prefeito da capital; ele diz que não havia mais “clima”, mais “ambiente” dentro da legenda, e decidiu apostar em um projeto mais voltado para a juventude
O vereador Josenito Vitale, o Nitinho, que deixou o DEM, partido liderado pelo prefeito João Alves Filho, assinou sua ficha de filiação ao PSD nesta segunda (21) e vai acompanhar o projeto do partido na capital em 2016, apoiando a pré-candidatura do deputado federal Valadares Filho (PSB) para prefeito da capital; ele diz que não havia mais “clima”, mais “ambiente” dentro da legenda, e decidiu apostar em um projeto mais voltado para a juventude (Foto: Valter Lima)

247 - O vereador Josenito Vitale, o Nitinho, que deixou o DEM, partido liderado pelo prefeito João Alves Filho, assinou sua ficha de filiação ao PSD nesta segunda-feira (21) e vai acompanhar o projeto do partido na capital em 2016, apoiando a pré-candidatura do deputado federal Valadares Filho (PSB) para prefeito da capital. Ele diz que não havia mais “clima”, mais “ambiente” dentro da legenda, e decidiu apostar em um projeto mais voltado para a juventude.

A ficha de filiação de Nitinho no PSD foi abonada pelo presidente do Diretório Municipal de Aracaju, deputado federal Fábio Mitidieri (PSD), e pelo secretário-geral do partido na capital, Jorginho Araújo.

Nitinho explicou que sua saída do DEM se deu por conta de alguns posicionamentos seus sobre projetos apreciados na Câmara de Aracaju. “Estive aliado do prefeito ao longo de 25 anos e não vou criticar sua gestão até porque fiz parte dela. Agora, por uma questão de coerência política, todos conhecem meus posicionamentos, mas eu não tinha como votar a favor de algumas propostas, como o reajuste da tarifa do transporte coletivo, proposta que eu sempre rejeitei enquanto estive na oposição”, afirmou.

O vereador explicou que esteve com João Alves Filho nos momentos bons e, principalmente, naqueles mais difíceis. “Em 12 anos na Câmara Municipal sempre defendi esse projeto, atuando na oposição. Infelizmente eu passei por um constrangimento e não tinha mais como continuar no grupo; não brigo e nem briguei por espaço, mas não havia mais afinidade, carinho e respeito. Tinha que sair! Agora eu continuo respeitando alguns secretários, vários amigos que deixei lá e o vice-prefeito José Carlos Machado (PSDB), que sempre esteve ao meu lado, em especial, em alguns momentos difíceis”, reforçou.

Sobre a chegada ao PSD, Nitinho agradeceu a receptividade. “Estou feliz nesta nova agremiação. O PSD é um partido jovem, formado por pessoas que pensam como os jovens e vamos fazer uma aliança vitoriosa em 2016. Eu vou continuar fazendo política da mesma forma, sendo um aliado fiel. Agradeço a todos os amigos que sempre me incentivaram enquanto estive no DEM e vejo que a maioria deles me acompanham agora no PSD. Eu apoio a pré-candidatura de Valadares Filho. Meu compromisso é com ele”, afirmou.

 

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247