Exportações mineiras crescem 7,7% em julho

Na comparação anual entre julho 2014 e julho de 2015, fios-máquinas e barras de ferro ou de aço foi o item que apresentou maior variação positiva, com aumento de 126,7%; Em segundo lugar está a celulose, com avanço de 31%; Se a análise levar em conta os países que comercializaram com Minas Gerais, no mesmo período citado, o destaque é a Filipinas, que aumentou as compras com o estado em 448%; Em segundo lugar, a Venezuela, com 74%

Na comparação anual entre julho 2014 e julho de 2015, fios-máquinas e barras de ferro ou de aço foi o item que apresentou maior variação positiva, com aumento de 126,7%; Em segundo lugar está a celulose, com avanço de 31%; Se a análise levar em conta os países que comercializaram com Minas Gerais, no mesmo período citado, o destaque é a Filipinas, que aumentou as compras com o estado em 448%; Em segundo lugar, a Venezuela, com 74%
Na comparação anual entre julho 2014 e julho de 2015, fios-máquinas e barras de ferro ou de aço foi o item que apresentou maior variação positiva, com aumento de 126,7%; Em segundo lugar está a celulose, com avanço de 31%; Se a análise levar em conta os países que comercializaram com Minas Gerais, no mesmo período citado, o destaque é a Filipinas, que aumentou as compras com o estado em 448%; Em segundo lugar, a Venezuela, com 74% (Foto: Luis Mauro Queiroz)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Agência Minas - As exportações mineiras apresentaram crescimento de 7,7% na passagem de junho para julho, totalizando US$ 2,04 bilhões (crescimento de US$ 144,84 milhões). As importações alcançaram US$ 816,22 milhões, com redução de 4,2% em relação ao mês anterior e uma redução de 19,7% com relação ao mesmo mês de 2014. O resultado colaborou para manutenção do saldo comercial do estado, com superávit de US$ 1,2 bilhão. Os dados foram divulgados nesta segunda-feira (10/8) pela Exportaminas, unidade de comércio exterior da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (SEDE).

Na comparação anual entre julho 2014 e julho de 2015, fios-máquinas e barras de ferro ou de aço foi o item que apresentou maior variação positiva, com aumento de 126,7%. Em segundo lugar está a celulose, com avanço de 31%. Se a análise levar em conta os países que comercializaram com Minas Gerais, no mesmo período citado, o destaque é a Filipinas, que aumentou as compras com o estado em 448%. Em segundo lugar, a Venezuela, com 74%.

Se comparada à balança comercial brasileira, em julho, Minas Gerais foi responsável por 11,6% das exportações e 5% das importações totais do país. No acumulado do ano, contudo, as exportações mineiras caíram 26%, reflexo da queda do preço das commodities e da retração da economia mundial. A China se mantém como o principal destino das exportações mineiras, representado 23,8% do total exportado pelo estado no mesmo mês.

Em seguida, estão os Estados Unidos com participação de 8,2%; Argentina com 6,7%; Holanda com 6,5% e Japão com 4,7%. Em julho, a China foi o principal fornecedor de Minas Gerais com 17,5% da pauta, seguida pelos Estados Unidos com 16,7%, Argentina com 9,9% e Itália com 7,2% do total importado pelo estado.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email