Fujão, diz Teixeira, após Bolsonaro não enviar representante para evento sobre segurança

"Os representantes das candidaturas à Presidência da República se reuniram ontem para debater segurança pública e violência contra a mulher. O candidato que diz representar os policiais e militares, que diz que vai liberar armas pra todo mundo, não mandou representante. FUJÃO!", afirmou o deputado Paulo Teixeira (PT-SP)

Fujão, diz Teixeira, após Bolsonaro não enviar representante para evento sobre segurança
Fujão, diz Teixeira, após Bolsonaro não enviar representante para evento sobre segurança (Foto: Esq.: Luis Macedo - Câmara / Dir.: Reprodução)

SP 247 - O deputado federal Paulo Teixeira (PT-SP) cutucou o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL), que não enviou representante para um evento sobre Segurança Pública em São Paulo.

"Os representantes das candidaturas à Presidência da República se reuniram ontem para debater segurança pública e violência contra a mulher. O candidato que diz representar os policiais e militares, que diz que vai liberar armas pra todo mundo, não mandou representante. FUJÃO!", disse o parlamentar no Twitter.

Bolsonaro é conhecido por posições polêmicas, como a defesa do porte de arma. Também já defendeu atrocidades contra presidiários. De acordo com o parlamentar, "uma minoria de marginais aterrorizam a maioria de pessoas decentes". "Temos que buscar a redução da maioridade penal. Esses marginais não são excluídos. São vagabundos", disse em vídeo publicado em fevereiro de 2014. "Tem que dar vida boa pra esses canalhas (presidiários)? Eles fodem nós a vida toda e nós trabalhadores vamos manter esses caras presos numa vida boa?. "Eles têm que se fuder", disse (relembre).

Sobre o posse de arma, Bolsonaro disse que se trata de "um direito daqueles que querem praticar o direito da legítima defesa" - declaração foi divulgada em vídeo publicado em março do ano passado.

O presidenciável defende, ainda, castração química para estuprador. E também já proferiu declaração com forte teor machista, em palestra na Hebraica, no Rio de Janeiro, em abril do ano passado. "Eu tenho 5 filhos. Foram 4 homens, a quinta eu dei uma fraquejada e veio uma mulher", disse.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247