Goiânia é notícia nacional como a cidade do lixo

Bom Dia Brasil, da TV Globo, mostrou nesta terça-feira a situação caótica que vive a cidade diante da ineficiência da prefeitura na execução da coleta de lixo; a Comurg, companhia responsável pela limpeza urbana, não tem caminhões suficientes para atender a demanda e no feriado da Semana Santa a situação se agravou; em alguns bairros, as ruas e avenidas parecem mais um lixão a céu aberto e o mau cheiro é insuportável

lixo goiania
lixo goiania (Foto: José Barbacena)

Goiás247 - Goiânia vira notícia nacional de novo pelo mesmo motivo: o lixo espalhado pela Capital. O Bom Dia Brasil, da TV Globo, mostrou nesta terça-feira a situação caótica que vive a cidade diante da ineficiência da prefeitura na execução da coleta de lixo. A Comurg, companhia responsável pela limpeza urbana, não tem caminhões suficientes para atender a demanda e no feriado da Semana Santa a situação se agravou.

Em alguns bairros, as ruas e avenidas parecem mais um lixão a céu aberto e o mau cheiro é insuportável. No desespero, a Comurg coloca caminhões caçamba e de carroceria para fazerem a coleta, esta forma improvisada e inadequada apenas aumenta o risco de contaminação.

O presidente da Comurg, Nelcivone Melo, já avisou que a coleta será normalizada apenas em junho, quando 40 caminhões que foram adquiridos ano passado vão estar prontos para serem usados. Nelcivone assumiu a companhia há 10 dias após o afastamento do ex-presidente Luciano de Castro. Ele foi afastado por uma liminar judicial resultante de ação do Ministério Público por improbidade administrativa.

Luciano é acusado de comandar um esquema que fraudava licitações na Comurg. A pasta é a principal dor de cabeça para o prefeito Paulo Garcia (PT). Desde o começo do ano passado a crise do lixo atormenta o petista, que não consegue achar solução para o problema. A imagem do prefeito se desgasta ainda mais porque Goiânia sempre foi conhecida nacionalmente como a cidade das flores.

Também foi na Comurg que ocorriam os supersalários. Dirigentes e funcionários de alto escalão da companhia chegavam a receber R$ 60 mil por mês, aproveitando-se de brechas sindicais, gratificações e horas extras.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247