Goiás terá R$ 40 milhões para crédito e regularização fundiária

O vice-governador José Eliton e o secretário nacional de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário, José Ricardo Roseno, assinam nesta sexta-feira (11), no andar do Palácio Pedro Ludovico Teixeira, termo de cooperação técnica que garante a liberação de recursos da ordem de R$ 40 milhões para ações de regularização fundiária e crédito fundiário; cerca de 10 mil famílias devem ser beneficiadas com o acordo; os recursos devem ser repassados à Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SED), Superintendência Executiva de Agricultura e Emater

O vice-governador José Eliton e o secretário nacional de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário, José Ricardo Roseno, assinam nesta sexta-feira (11), no andar do Palácio Pedro Ludovico Teixeira, termo de cooperação técnica que garante a liberação de recursos da ordem de R$ 40 milhões para ações de regularização fundiária e crédito fundiário; cerca de 10 mil famílias devem ser beneficiadas com o acordo; os recursos devem ser repassados à Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SED), Superintendência Executiva de Agricultura e Emater
O vice-governador José Eliton e o secretário nacional de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário, José Ricardo Roseno, assinam nesta sexta-feira (11), no andar do Palácio Pedro Ludovico Teixeira, termo de cooperação técnica que garante a liberação de recursos da ordem de R$ 40 milhões para ações de regularização fundiária e crédito fundiário; cerca de 10 mil famílias devem ser beneficiadas com o acordo; os recursos devem ser repassados à Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SED), Superintendência Executiva de Agricultura e Emater (Foto: Leonardo Lucena)

Goiás 247 - O vice-governador José Eliton e o secretário nacional de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário, José Ricardo Roseno, assinam nesta sexta-feira, dia 11, às 14h30, no 10º andar do Palácio Pedro Ludovico Teixeira, termo de cooperação técnica que garante a liberação de recursos da ordem de R$ 40 milhões para ações de regularização fundiária e crédito fundiário. Cerca de 10 mil famílias devem ser beneficiadas com o acordo. Os recursos devem ser repassados à Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SED), Superintendência Executiva de Agricultura e Emater.

Do montante, R$ 24 milhões serão disponibilizados em forma de crédito fundiário para o assentamento de 300 famílias até o final do próximo ano. Outros R$ 4 milhões serão utilizados para regularização fundiária de terras devolutas do Estado.

Os recursos também serão utilizados para aquisição de veículos para a Emater e a Patrulha Agrícola, além de beneficiar iniciativas, como a Feira Agro Centro-Oeste, famílias que fazem parte da Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater), entre outras.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247