Gomes articula inclusão do TO no Brasil Mais Seguro

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, deve anunciar a inclusão do Tocantins no programa Brasil Mais Seguro, do governo federal, que prevê investimentos em sistema de câmeras de vigilância nas cidades, implantação da Câmara de Monitoramento de Inquéritos e Processos Judiciais, além de orientar os órgãos e instituições do Sistema de Justiça Criminal a estabelecer parâmetros para operacionalizar as ações de proteção social

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, deve anunciar a inclusão do Tocantins no programa Brasil Mais Seguro, do governo federal, que prevê investimentos em sistema de câmeras de vigilância nas cidades, implantação da Câmara de Monitoramento de Inquéritos e Processos Judiciais, além de orientar os órgãos e instituições do Sistema de Justiça Criminal a estabelecer parâmetros para operacionalizar as ações de proteção social
O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, deve anunciar a inclusão do Tocantins no programa Brasil Mais Seguro, do governo federal, que prevê investimentos em sistema de câmeras de vigilância nas cidades, implantação da Câmara de Monitoramento de Inquéritos e Processos Judiciais, além de orientar os órgãos e instituições do Sistema de Justiça Criminal a estabelecer parâmetros para operacionalizar as ações de proteção social (Foto: Aquiles Lins)

Tocantins 247 - O Tocantins deve receber investimentos no governo federal para á área de segurança pública. O assunto será discutido nesta terça-feira, 22, numa audiência entre o governador Sandoval Cardoso (SD) e o deputado federal Eduardo Gomes (SD) com o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo.

Numa articulação de Gomes, o ministro Eduardo Cardozo deve informar a inclusão do Tocantins no programa Brasil Mais Seguro, do governo federal, que prevê investimentos em sistema de câmeras de vigilância nas cidades, implantação da Câmara de Monitoramento de Inquéritos e Processos Judiciais, além de orientar os órgãos e instituições do Sistema de Justiça Criminal a estabelecer parâmetros para operacionalizar as ações de proteção social.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247