Gustinho propõe abaixo-assinado contra operadoras de telefonia

O deputado estadual Gustinho Ribeiro propôs a criação de um abaixo-assinado digital contra a proposta das operadoras de telefonia de limitar o pacote de dados da internet móvel; o parlamentar entende que a limitação é um ato de desrespeito ao consumidor, que segundo ele, compra um pacote de ‘internet ilimitada’ e acaba sendo surpreendido pela operadora com a exigência para a compra de um novo pacote de dados; “Isso acontece no país inteiro. O sinal cai e pedem que o usuário compre mais pacote”, disse

O deputado estadual Gustinho Ribeiro propôs a criação de um abaixo-assinado digital contra a proposta das operadoras de telefonia de limitar o pacote de dados da internet móvel; o parlamentar entende que a limitação é um ato de desrespeito ao consumidor, que segundo ele, compra um pacote de ‘internet ilimitada’ e acaba sendo surpreendido pela operadora com a exigência para a compra de um novo pacote de dados; “Isso acontece no país inteiro. O sinal cai e pedem que o usuário compre mais pacote”, disse
O deputado estadual Gustinho Ribeiro propôs a criação de um abaixo-assinado digital contra a proposta das operadoras de telefonia de limitar o pacote de dados da internet móvel; o parlamentar entende que a limitação é um ato de desrespeito ao consumidor, que segundo ele, compra um pacote de ‘internet ilimitada’ e acaba sendo surpreendido pela operadora com a exigência para a compra de um novo pacote de dados; “Isso acontece no país inteiro. O sinal cai e pedem que o usuário compre mais pacote”, disse (Foto: Valter Lima)

Alese - O deputado estadual Gustinho Ribeiro propôs a criação de um abaixo-assinado digital contra a proposta das operadoras de telefonia de limitar o pacote de dados da internet móvel. O parlamentar entende que a limitação é um ato de desrespeito ao consumidor, que segundo ele, compra um pacote de ‘internet ilimitada’ e acaba sendo surpreendido pela operadora com a exigência para a compra de um novo pacote de dados. “Isso acontece no país inteiro. O sinal cai e pedem que o usuário compre mais pacote”.

Para Gustinho, a Assembleia Legislativa de Sergipe deveria seguir o exemplo da Câmara Federal e entrar na discussão. “Lá há um debate sobre isso. É um tema extremamente importante. A população está totalmente conectada e as operadoras querem impor limites sobre o uso de dados. As assembleias legislativas devem entrar nesse tema, devemos pressionar a Anatel para que isso não ocorra”, afirmou o deputado, que vê a internet móvel como uma ferramenta necessária, hoje usada para acessar e-mail, Netflix e pagar contas, tanto o usuário comum quanto os estabelecimentos comerciais. “Empresas sofrem prejuízos”, explicou

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247