GVT chega a Ipatinga e Valadares

Empresa do grupo francs Vivendi estava presente em Minas somente em Belo Horizonte, Contagem e Betim. Por enquanto, as novas cidades tero apenas 60% da rea com cobertura da empresa

GVT chega a Ipatinga e Valadares
GVT chega a Ipatinga e Valadares (Foto: Divulgação)

Minas 247 - Até quarta-feira pela manhã, a empresa de telefonia GVT, que começou no sul do país, atendia apenas três cidades mineiras: Belo Horizonte, Contagem e Betim. A partir desta quarta, a empresa adicionou mais duas cidades do estado ao seu portfólio: Ipatinga e Governador Valladares, ambas no leste do estado.

Os serviços oferecidos serão os mesmos já usados pelos consumidores da operadora em BH: banda larga (de 5Mbps a 100Mbps), telefonia fixa e o mais recente, de TV por assinatura. Além das cidades do interior mineiro, Colatina (ESP), Santos e São Vicente (SP) também passam a contar com a GVT.

A empresa controlada pelo grupo francês Vivendi investiu R$ 100 milhões para chegar às novas praças. No ano passado, a empresa encerrou com receita líquida de R$ 3,35 bilhões, 39% superior ao registrado em 2010. O lucro líquido ajustado ficou em R$ 776,5 milhões, ante os R$ 479,8 milhões do ano anterior.

No ano passado, o crescimento em cidades atendidas foi de 22 novas localidades, totalizando 119. Este ano, a expectativa é de nova expansão, incluindo Minas Gerais, segundo o diretor de operações da GVT no Centro-Oeste e Minas, José Eduardo Fernandes.

Ipatinga e Valadares começarão, entretanto, com apenas 60% de área com cobertura da GVT.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247