Haddad chora em evento, pede desculpas e é ungido como liderança

Candidato do PT à presidência, Fernando Haddad participou nesta terça-feira (30) da reunião da Executiva Nacional do partido em São Paulo; Haddad se emocionou ao falar de sua família e dos ataques sofridos via WhatsApp, e pediu desculpas por eventuais erros na campanha; ao final, o petista foi ungido como liderança da oposição ao governo de ultra-direita de Jair Bolsonaro 

Haddad chora em evento, pede desculpas e é ungido como liderança
Haddad chora em evento, pede desculpas e é ungido como liderança (Foto: Ricardo Stuckert)

247 - De acordo com Catia Seabra, na Folha de São Paulo, o candidato à presidência pelo PT, Fernando Haddad, chorou em reunião com integrantes do Partido dos Trabalhadores nesta terça-feira (30), em São Paulo. Segundo relatos, "Haddad se emocionou ao falar de sua família e dos ataques sofridos via WhatsApp", e pediu desculpas por eventuais erros na campanha.

"O ex-prefeito pediu desculpas caso tenha cometido erros na condução da campanha. Disse que deu o seu melhor. E foi muito aplaudido ao dizer que gostaria de vencer a corrida presidencial pelo legado petista, pelo discurso de Jair Bolsonaro e pela injustiça feita ao Lula. Nos discursos de dirigentes petistas, ele foi ungido como liderança de oposição", apurou a jornalista.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247