Haddad: sou bem menos político que Doria

Diante da notícia de que o prefeito da capital paulista, João Doria (PSDB), confirmou que irá deixar o cargo para se candidatar ao governo do Estado, seu antecessor, Fernando Haddad (PT), lembrou nesta terça-feira 13, no Twitter, de uma entrevista sua em que se dizia "bem menos político que Doria"; o tucano enfatizava, em sua campanha a prefeito, que era "gestor", e não "político"; "Ao me deparar com a notícia de que Doria renunciará a Prefeitura para concorrer ao Governo do Estado, lembrei dessa entrevista que dei ao @elpais_brasil", tuitou Haddad

Diante da notícia de que o prefeito da capital paulista, João Doria (PSDB), confirmou que irá deixar o cargo para se candidatar ao governo do Estado, seu antecessor, Fernando Haddad (PT), lembrou nesta terça-feira 13, no Twitter, de uma entrevista sua em que se dizia "bem menos político que Doria"; o tucano enfatizava, em sua campanha a prefeito, que era "gestor", e não "político"; "Ao me deparar com a notícia de que Doria renunciará a Prefeitura para concorrer ao Governo do Estado, lembrei dessa entrevista que dei ao @elpais_brasil", tuitou Haddad
Diante da notícia de que o prefeito da capital paulista, João Doria (PSDB), confirmou que irá deixar o cargo para se candidatar ao governo do Estado, seu antecessor, Fernando Haddad (PT), lembrou nesta terça-feira 13, no Twitter, de uma entrevista sua em que se dizia "bem menos político que Doria"; o tucano enfatizava, em sua campanha a prefeito, que era "gestor", e não "político"; "Ao me deparar com a notícia de que Doria renunciará a Prefeitura para concorrer ao Governo do Estado, lembrei dessa entrevista que dei ao @elpais_brasil", tuitou Haddad (Foto: Gisele Federicce)

247 - Diante da notícia de que o prefeito da capital paulista, João Doria (PSDB), confirmou que irá deixar o cargo para se candidatar ao governo do Estado, seu antecessor, Fernando Haddad (PT), lembrou nesta terça-feira 13, no Twitter, de uma entrevista sua em que se dizia "bem menos político que Doria". Durante a campanha à Prefeitura em 2016, da qual saiu vitorioso no primeiro turno, o tucano enfatizava que era "gestor", e não "político".

"Ao me deparar com a notícia de que Doria renunciará a Prefeitura para concorrer ao Governo do Estado, lembrei dessa entrevista que dei ao @elpais_brasil", tuitou Haddad.

Na entrevista, concedida em dezembro de 2016 ao El País, às vésperas de deixar a Prefeitura, Haddad declara: "Vocês vão descobrir que eu sou bem menos político do que o Doria, que diz que não é político".

Em sua página no Facebook, Doria confirmou sua candidatura ao compartilhar uma reportagem que lhe lançava candidato. A reação de seus eleitores foi de decepção e irritação com a traição do prefeito (leia mais).

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247