Insatisfeito, Vitor Valim quer ficar longe dos palanques este ano

O deputado federal Vitor Valim (PMDB) não esconde sua insatisfação com o fato de ver seu nome preterido pelo partido na disputa pela Prefeitura de Fortaleza. A amigos próximos e correligionários, ele vem dizendo que jogou a toalha e que deseja ficar longe dos palanques este ano, exercendo apenas o papel de eleitor

O deputado federal Vitor Valim (PMDB) não esconde sua insatisfação com o fato de ver seu nome preterido pelo partido na disputa pela Prefeitura de Fortaleza. A amigos próximos e correligionários, ele vem dizendo que jogou a toalha e que deseja ficar longe dos palanques este ano, exercendo apenas o papel de eleitor
O deputado federal Vitor Valim (PMDB) não esconde sua insatisfação com o fato de ver seu nome preterido pelo partido na disputa pela Prefeitura de Fortaleza. A amigos próximos e correligionários, ele vem dizendo que jogou a toalha e que deseja ficar longe dos palanques este ano, exercendo apenas o papel de eleitor (Foto: Rodrigo Rocha)

Ceará247 - O deputado federal Vitor Valim (PMDB)  já não esconde sua insatisfação com o tratamento que recebeu na discussão sobre a sucessão municipal e tem exposto para amigos e correligionários políticos a decisão de ficar longe do palanque na Capital, independente de seu partido lançar candidato ou apoiar alguma outra sigla nas eleições deste ano.

Valim, que queria concorrer à Prefeitura de Fortaleza, não gostou de ver o presidente da Executiva Regional do PMDB, Eunício Oliveira, inclinado a fechar apoio com o PSDB em torno do nome do deputado estadual Capitão Wagner (PR). Os tucanos, por sinal, abriram mão da vaga de vice na chapa para atrair o PMDB. Mesmo nessa composição, Vitor Valim estava excluído - as opções do PMDB são o empresário Gaudêncio Lucena e o deputado estadual Daniel Oliveira. 

Com isso, Vitor Valim anunciou a desistência de sua pré-candidatura e confessou a pessoas mais próximas que esperava um tratamento melhor de seu partido. No ano passado, o deputado chegou a ensaiar uma saída do PMDB para filiar-se ao PP ou ao PSC, o que acabou não se concretizando após conversas com Eunício.

Vale lembrar que, como apresentador do programa Cidade 190, Vitor Valim terá que se afastar do comando da atração até esta quinta-feira (30) se quiser ser candidato - o que, de fato, não deve acontecer.

(Com informações do Ceará Agora)

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247