Jorge Côrte Real é cogitado para assumir Ministério do Trabalho

O deputada federal Jorge Corte Real (PE) é um dos nomes cotados do PTB para assumir o Ministério do Trabalho, após a legenda desistir de indicar a deputada federal Cristiane Brasil (PTB-RJ) para a pasta. A possibilidade de a parlamentar assumir o cargo causou grande desgaste ao governo Temer; Cristiane enfrenta processos na Justiça do Trabalho, teve o nome incluído no Banco Nacional de Devedores Trabalhistas (BNDT) e é suspeita de associação ao tráfico; além do parlamentar pernambucano, o deputado federal Alex Canziani (PR) é outro nome cogitado pelo PTB para assumir a pasta

O deputada federal Jorge Corte Real (PE) é um dos nomes cotados do PTB para assumir o Ministério do Trabalho, após a legenda desistir de indicar a deputada federal Cristiane Brasil (PTB-RJ) para a pasta. A possibilidade de a parlamentar assumir o cargo causou grande desgaste ao governo Temer; Cristiane enfrenta processos na Justiça do Trabalho, teve o nome incluído no Banco Nacional de Devedores Trabalhistas (BNDT) e é suspeita de associação ao tráfico; além do parlamentar pernambucano, o deputado federal Alex Canziani (PR) é outro nome cogitado pelo PTB para assumir a pasta
O deputada federal Jorge Corte Real (PE) é um dos nomes cotados do PTB para assumir o Ministério do Trabalho, após a legenda desistir de indicar a deputada federal Cristiane Brasil (PTB-RJ) para a pasta. A possibilidade de a parlamentar assumir o cargo causou grande desgaste ao governo Temer; Cristiane enfrenta processos na Justiça do Trabalho, teve o nome incluído no Banco Nacional de Devedores Trabalhistas (BNDT) e é suspeita de associação ao tráfico; além do parlamentar pernambucano, o deputado federal Alex Canziani (PR) é outro nome cogitado pelo PTB para assumir a pasta (Foto: Leonardo Lucena)

Pernambuco 247 - O deputada federal Jorge Corte Real (PE) é um dos nomes cotados do PTB para assumir o Ministério do Trabalho, após a legenda desistir de indicar a deputada federal Cristiane Brasil (PTB-RJ) para a pasta. A possibilidade de a parlamentar assumir o cargo causou grande desgaste ao governo Michel Temer. Cristiane enfrenta processos na Justiça do Trabalho, teve o nome incluído no Banco Nacional dos Devedores Trabalhistas (BNDT) e, segundo reportagem de Constança Rezende, do Estado de S.Paulo, é suspeita de associação ao tráfico.

Além do parlamentar pernambucano, o deputado federal Alex Canziani (PR) é outro nome cogitado pelo PTB para assumir a pasta, de acordo com a Folha de S. Paulo, que antecipou a informação de que o presidente nacional do partido, Roberto Jefferson, confirmou que terá uma conversa com Michel Temer sobre a indicação de outro nome da sigla para a pasta. De acordo com o petebista, a sua filha seguirá como deputada federal.

A previsão é de que Jeferson converse ainda nesta semana com o emedebista. "O caminho será conversado com o presidente. A ministra Cármen Lúcia não votará antes do segundo semestre. Vamos andar, caminhar para frente", disse Jefferson.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247