Jornalista da SporTV: "brasileiro está sendo muito duro com a Copa"

Jornalista Karin Duarte, correspondente internacional nos Estados Unidos da SporTV, um dos braços da Globo na TV segmentada, utilizou o Twitter nesta quarta (28), para dar sua opinião contra as manifestações e as reclamações dos brasileiros contra a Copa do Mundo; ela criticou a imprensa, "que cai de pau em cima" de qualquer situação e sugeriu que a população "tenha mais paciência"; falou também no "tal complexo de vira-lata que persegue" os brasileiros 

Jornalista Karin Duarte, correspondente internacional nos Estados Unidos da SporTV, um dos braços da Globo na TV segmentada, utilizou o Twitter nesta quarta (28), para dar sua opinião contra as manifestações e as reclamações dos brasileiros contra a Copa do Mundo; ela criticou a imprensa, "que cai de pau em cima" de qualquer situação e sugeriu que a população "tenha mais paciência"; falou também no "tal complexo de vira-lata que persegue" os brasileiros 
Jornalista Karin Duarte, correspondente internacional nos Estados Unidos da SporTV, um dos braços da Globo na TV segmentada, utilizou o Twitter nesta quarta (28), para dar sua opinião contra as manifestações e as reclamações dos brasileiros contra a Copa do Mundo; ela criticou a imprensa, "que cai de pau em cima" de qualquer situação e sugeriu que a população "tenha mais paciência"; falou também no "tal complexo de vira-lata que persegue" os brasileiros  (Foto: Valter Lima)

247 - A jornalista Karin Duarte, correspondente internacional nos Estados Unidos da SporTV, um dos braços da Globo na TV segmentada, utilizou o Twitter na noite desta quarta-feira (28), para dar sua opinião contra as manifestações e as reclamações dos brasileiros contra a Copa do Mundo. Ela criticou a imprensa, "que cai de pau em cima" de qualquer situação e sugeriu que a população "tenha mais paciência". Ela falou também no "tal complexo de vira-lata que persegue" os brasileiros. 

No"Primeiro Mundo", avião tb atrasa, metrô tb é lotado e mtas vezes ñ tem ar, tb tem fila quilométrica na segurança do aeroporto. A diferença? É que a imprensa não cai de pau em cima. A população tem mais paciência. E ninguém sai esculhambando o país por causa disso. Na Polônia, cobri jogo da Euro2012 c/ o entorno do estádio c/entulho e obra. Nã vi uma linha nos jornais e na tv. Nas Olimp.de Londres,voluntários não sabiam informar onde eram os centros de imprensa das instalações,e não tinha placa. Ninguém reclamava. Mas somos tão duros com nós mesmos, q exigimos a perfeição.Somos impacientes. E insistimos no lugar comum dizendo sem pensar "só no Brasil". Acho q é mais do q política. É o tal complexo de vira-lata q nos persegue...", afirmou.

E continuou: "O q me entristece daqui de longe é ver q mta gente ta c/ medo de celebrar a Copa,o privilégio de termos este evento, pq virou moda falar mal. Celebrar a Copa,coisa q sempre fizemos tão bem, é um direito. E se o vizinho não quer pintar a rua, problema dele. Só quero dizer q outros lugares tem problemas e às vezes só enxergamos os nossos".

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247