Lembo chama tucanos de raivosos e classe média de injusta

Ex-governador de São Paulo, Claudio Lembo criticou o senador Aloysio Nunes, que disse que quer ver a presidente Dilma Rousseff ‘sangrar’: “é feio”; quanto às manifestações, ele diz que a ‘classe média’, que protestou no dia 15 de março, está sendo injusta, “porque ganhou muito no período Lula-Dilma”

Ex-governador de São Paulo, Claudio Lembo criticou o senador Aloysio Nunes, que disse que quer ver a presidente Dilma Rousseff ‘sangrar’: “é feio”; quanto às manifestações, ele diz que a ‘classe média’, que protestou no dia 15 de março, está sendo injusta, “porque ganhou muito no período Lula-Dilma”
Ex-governador de São Paulo, Claudio Lembo criticou o senador Aloysio Nunes, que disse que quer ver a presidente Dilma Rousseff ‘sangrar’: “é feio”; quanto às manifestações, ele diz que a ‘classe média’, que protestou no dia 15 de março, está sendo injusta, “porque ganhou muito no período Lula-Dilma” (Foto: Roberta Namour)

247 – O ex-governador de São Paulo Claudio Lembo não poupa críticas aos políticos, nesse contexto de crise. Sobre o PSDB, disse que os líderes do partido são “raivosos” e criticou o senador Aloysio Nunes, que disse que quer ver a presidente Dilma Rousseff ‘sangrar’: “é feio”.

Em entrevista ao Valor, ele afirma ainda que a manifestação ocorrida no dia 15 de março levou para as ruas ‘a burguesia e não o povão’. Mas diz que a classe média está sendo injusta, “porque ganhou muito no período Lula-Dilma”.

Quanto ao PT, ele afirma que “não existe mais PT da sacristia, do sindicalismo. Virou PT da penitenciaria. Então tem que ter humildade” (leia mais).

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247