Licitação do Olímpico tem cinco empresas habilitadas

Estádio é um dos quatro módulos do Centro de Excelência do Esporte, cujas obras estão orçadas inicialmente em R$ 43,5 milhões; projeto arquitetônico segue medidas oficiais estipuladas pelo Comitê Olímpico para realização de eventos nacionais e internacionais; arena terá campo de futebol, pista de atletismo, caixas para saltos em altura e em distância, setores de arremesso e arquibancada com capacidade para 12 mil espectadores

Licitação do Olímpico tem cinco empresas habilitadas
Licitação do Olímpico tem cinco empresas habilitadas
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Goiás247_ Seis empresas participaram na quarta-feira (24) da licitação promovida pela Agetop para construção do Estádio Olímpico do Centro de Excelência do Esporte. Cinco delas são de Goiânia e uma do Distrito Federal. Após a análise da documentação fornecida pelas empresas, cinco foram habilitadas e uma inabilitada. No momento, a licitação aguarda o cumprimento do prazo de recurso, conforme exigência legal, para que seja definida a vencedora, pelo critério de menor preço. No final da próxima semana, quando finda o prazo de recurso, o resultado será divulgado no Diário Oficial.

O Estádio Olímpico é um dos quatro módulos do Centro de Excelência do Esporte, cujas obras estão orçadas inicialmente em R$ 43,5 milhões. O projeto arquitetônico segue as medidas oficiais estipuladas pelo Comitê Olímpico para realização de eventos nacionais e internacionais, em diferentes modalidades esportivas não consideradas profissionais. As instalações foram projetadas com base nas novas tecnologias do esporte.

Em uma área de 23.2 mil metros quadrados, o Estádio Olímpico será composto por campo de futebol, pista de atletismo, caixas para saltos em altura e em distância, setores de arremesso e arquibancada, com capacidade para 12 mil espectadores. Além disso, toda a estrutura de banheiros, salas de aquecimento, treinamento e concentração, entre outros.

Com a licitação do Estádio Olímpico, cujas obras se iniciam ainda neste semestre, e as obras do Laboratório de Capacitação e Pesquisa, em andamento, restará finalizar o processo licitatório do Parque Aquático, que acrescentará estrutura para competições em saltos ornamentais, para que o Centro de Excelência do Esporte seja entregue à população.

A conclusão do complexo incentivará a formação de novos talentos do esporte, proporcionando uma nova geração olímpica. O Centro de Excelência conta com quatro módulos: Ginásio de Esportes (construído), Laboratório de Capacitação e Pesquisa (em andamento), Estádio Olímpico (em licitação) e Parque Aquático (a se licitar ainda neste semestre).

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247