Líder do golpe, Aécio deve concorrer a deputado federal

Senador Aécio Neves (PSDB-MG) sinalizou a parlamentares mineiros que vai concorrer a deputado federal nas eleições de outubro; integrantes do PSDB afirmaram, ainda, que o tucano também tem refletido sobre a hipótese de deixar a política e não ser candidato

Líder do golpe, Aécio deve concorrer a deputado federal
Líder do golpe, Aécio deve concorrer a deputado federal (Foto: Moreira Mariz - Agência Senado)

Minas 247 - O senador Aécio Neves (PSDB-MG) sinalizou a parlamentares mineiros que vai concorrer a deputado federal nas eleições de outubro. De acordo com aliados, o tucano concluiu que não há condições políticas para tentar mais um mandato ao Senado. Integrantes do PSDB afirmaram ao Globo que Aécio também tem refletido sobre a hipótese de deixar a política e não ser candidato.

Aécio é réu em uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF) que apura os crimes de corrupção passiva e obstrução de Justiça no episódio do repasse de R$ 2 milhões de Joesley Batista. Ele também é investigado no Supremo em inquéritos derivados da Operação Lava-Jato.

"O sentimento é de que ele será candidato a deputado federal. É o que ele tem sinalizado para nós, mas ele não oficializou ainda sua posição. Temos que esperar", disse um parlamentar mineiro. As entrevistas foram concedidas ao jornal fluminense.

O presidente do diretório mineiro, deputado Domingos Sávio, afirma que os tucanos esperam um pronunciamento formal de Aécio até o dia dia 28 de julho, quando ocorre a convenção do PSDB-MG. "A posição que o senador Aécio tomar será respeitada. Essa dúvida sobre o destino dele (Senado ou Câmara) toma conta de todos nós, mas ele irá responder sobre isso até o dia da convenção", afirmou.

 

 

 

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247