Mais Médicos: Bahia recebe mais 230 cubanos

Até o próximo dia 13, os profissionais ficarão em Salvador, realizando atividades sobre o quadro epidemiológico local; com o reforço, a Bahia chega à terceira fase do Mais Médicos, e o número de profissionais pelo programa no estado ultrapassa 1.100; nova turma atenderá em Salvador e em todo o interior do estado

Até o próximo dia 13, os profissionais ficarão em Salvador, realizando atividades sobre o quadro epidemiológico local; com o reforço, a Bahia chega à terceira fase do Mais Médicos, e o número de profissionais pelo programa no estado ultrapassa 1.100; nova turma atenderá em Salvador e em todo o interior do estado
Até o próximo dia 13, os profissionais ficarão em Salvador, realizando atividades sobre o quadro epidemiológico local; com o reforço, a Bahia chega à terceira fase do Mais Médicos, e o número de profissionais pelo programa no estado ultrapassa 1.100; nova turma atenderá em Salvador e em todo o interior do estado (Foto: Romulo Faro)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Bahia 247 - O Estado da Bahia recebe nesta semana um grupo de 230 cubanos que atuarão no programa Mais Médicos, do governo federal, em Salvador e em todo o interior do estado. De acordo com a Secretaria da Saúde (Sesab), só ontem, 161 profissionais chegaram a Salvador e foram recebidos pelo titular da pasta, Washington Couto.

Hoje são esperados mais 69 médicos que chegam à Base Aérea de Salvador. Habilitados em atendimento básico, os médicos desembarcaram em dois grupos. Ainda não está definida a relação de municípios que serão contemplados com os profissionais.

Isso porque, segundo a Sesab, o Ministério da Saúde não divulgou os detalhes da alocação. A informação preliminar, conforme o órgão de saúde do estado, é de que os médicos atenderão em 94 localidades baianas.

Até o próximo dia 13, os profissionais ficarão em Salvador, realizando atividades sobre o quadro epidemiológico local. Com o reforço, a Bahia chega à terceira fase do Mais Médicos, e o número de profissionais pelo programa no estado ultrapassa 1.100.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email