Mais radares começam a multar na T-63

Dispositivos instalados nos cruzamentos da T-63 com T-15 (Setor Bueno) e T-63 com Alameda Couto Magalhães (setores Pedro Ludovico/Bela Vista) começam a autuar neste sábado, após caráter educativo de 15 dias; fiscalização eletrônica registra avanços em sinal vermelho, parada sobre a faixa de pedestre, excesso de velocidade e uso indevido da faixa exclusiva para ônibus; orientação da SMT é que o motorista só entre na faixa de ônibus para acessar residências ou estabelecimentos comerciais ou para virar na primeira rua à direita

radar t63
radar t63 (Foto: José Barbacena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Prefeitura de Goiânia - Os equipamentos de fiscalização eletrônica instalados pela Prefeitura de Goiânia, por meio da Secretaria Municipal de Trânsito Transportes e Mobilidade (SMT) na Avenida T-63, para implantação do corredor do transporte coletivo já começam a autuar neste sábado, 15. Foram implantados inicialmente seis equipamentos ao longo da avenida, em dois trechos, compreendidos entre o Parque Anhanguera e o Setor Nova Suíça, e Setor Nova Suíça e Pedro Ludovico.

Os dispositivos instalados nos cruzamentos da T-63 com T-15 (Setor Bueno) e T-63 com Alameda Couto Magalhães (setores Pedro Ludovico/Bela Vista) começam a autuar neste sábado, após caráter educativo de 15 dias, informação divulgada por meio de placas fixadas nos locais de instalação dos dispositivos.

A fiscalização eletrônica registra avanços em sinal vermelho, parada sobre a faixa de pedestre, excesso de velocidade e uso indevido da faixa exclusiva para ônibus. A orientação da SMT é que o motorista só entre na faixa de ônibus para acessar residências ou estabelecimentos comerciais ou para virar na primeira rua à direita.

Gravidade das infrações e valores das multas – Os motoristas que forem flagrados pela fiscalização cometendo infrações serão penalizados com as seguintes pontuações e multas: avanço de semáforo (infração gravíssima, R$ 191,54); parar sobre a faixa de pedestre (infração leve, R$ 53,20); transitar na faixa exclusiva (infração leve, R$ 53,20); excesso de velocidade (de média a gravíssima, valores que variam de R$ 85,13 a R$ 574,00).

Corredores exclusivos - O corredor da Avenida T-63 foi instalado em 5 de março de 2013, com proibição de estacionamento ao longo da via, e integra uma rede de circulação do transporte coletivo, vinculada aos demais corredores, que tem como objetivo aperfeiçoar o serviço com ganho no tempo de viagem e aumento de velocidade dos ônibus por toda a cidade. O projeto da Prefeitura de Goiânia reúne sete corredores: o Universitário, já implantado há quase um ano,  da T-63, das avenidas T-7, T-9, 85, 24 de Outubro e Independência.

De acordo com o secretário municipal de Trânsito, Transportes e Mobilidade, José Geraldo Freire, o corredor Universitário está funcionando plenamente, tendo sido registrado uma redução significativa do número de acidentes. Na T-63, da mesma forma, a fluidez do tráfego melhorou e as mudanças implantadas estão tendo a aprovação dos usuários do transporte coletivo.

Local dos equipamentos
1-    Av. T-63 X Av. C-107 - Jardim América
2-    Av. T-63 X Av. C-149 - Jardim América
3-    Av. T-63 X Av. T-15 - Setor Bueno
4-    Av. T-63 X Al. Couto Magalhães - Setor Pedro Ludovico/Bela Vista
5-    Av. T-63 x Rua Coelho Neto – Bairro Anhanguera
6-    Av. T-63 x Av. T-4 – Setor Bueno

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email