Marcelo: 'governo está reconquistando a credibilidade'

Governador Marcelo Miranda (PMDB) e comitiva de autoridades estaduais participaram nesta segunda-feira, 28, em Colinas do Tocantins, de uma mais uma edição das discussões para elaboração do Plano Plurianual (PPA); "Já atingimos quase 80% do estado. Um contato direto com a sociedade em que todos estão tendo o direito de falar, sugerir projetos que possam ser consolidados no seu município", destacou; Marcelo reforçou que os R$ 300 milhões do Banco Mundial (Bird), por meio do Projeto de Desenvolvimento Regional Integrado e Sustentável (PDRIS), sem contrapartida financeira do Estado

Governador Marcelo Miranda (PMDB) e comitiva de autoridades estaduais participaram nesta segunda-feira, 28, em Colinas do Tocantins, de uma mais uma edição das discussões para elaboração do Plano Plurianual (PPA); "Já atingimos quase 80% do estado. Um contato direto com a sociedade em que todos estão tendo o direito de falar, sugerir projetos que possam ser consolidados no seu município", destacou; Marcelo reforçou que os R$ 300 milhões do Banco Mundial (Bird), por meio do Projeto de Desenvolvimento Regional Integrado e Sustentável (PDRIS), sem contrapartida financeira do Estado
Governador Marcelo Miranda (PMDB) e comitiva de autoridades estaduais participaram nesta segunda-feira, 28, em Colinas do Tocantins, de uma mais uma edição das discussões para elaboração do Plano Plurianual (PPA); "Já atingimos quase 80% do estado. Um contato direto com a sociedade em que todos estão tendo o direito de falar, sugerir projetos que possam ser consolidados no seu município", destacou; Marcelo reforçou que os R$ 300 milhões do Banco Mundial (Bird), por meio do Projeto de Desenvolvimento Regional Integrado e Sustentável (PDRIS), sem contrapartida financeira do Estado (Foto: Aquiles Lins)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Tocantins 247 - O governador Marcelo Miranda (PMDB) participou nesta segunda-feira, 28, em Colinas do Tocantins, de uma reunião de discussão do Plano Plurianual do Estado 2016-2019.

"Já atingimos quase 80% do estado. Um contato direto com a sociedade em que todos estão tendo o direito de falar, sugerir projetos que possam ser consolidados no seu município", destacou Marcelo Miranda ao acrescentar "são homens e mulheres que, de forma democrática e igualitária, estarão sentados para definir caminhos e prioridades desta região de desafios, prosperidade e oportunidades econômicas e sociais".

Segundo Marcelo Miranda, é preciso responsabilidade no trato das coisas públicas, por isso o cuidado de planejar e discutir as oportunidades e prioridades de cada região do estado. "Acredito que um governo mais perto da população começa com o planejamento presente em todas as regiões do estado".

Marcelo reforçou que os R$ 300 milhões do Banco Mundial (Bird), por meio do Projeto de Desenvolvimento Regional Integrado e Sustentável (PDRIS), sem contrapartida financeira do Estado. serão investidos na recuperação de 1.145 km de rodovias em todas as regiões do Estado, drenagem, sinalização, obras complementares, recuperação de erosão, estabilização de taludes e manutenção de rotina de rodovias estaduais, incluindo cinco anos de conservação. De acordo com o governador, o processo licitatório internacional se encontra em fase de elaboração

Para o governador, o futuro do estado está em nossas mãos, governo, sociedade e instituições unidos pelo diálogo e pelo trabalho. "Somos atores e criadores do novo conceito de administração pública em nosso estado. Uma administração com foco em resultados, transparente e democrática", destacou.

Segundo o secretário de estado do Planejamento e Orçamento, David Torres, o diferencial do orçamento do próximo ano é que ele vai além dos números. "A determinação do governador é de fazer uma gestão diferente, por isso nosso orçamento não vai ser só números, mas metas também, com o acompanhamento de todo cidadão, por meio do Portal da Transparência", explicou.

Base
Prefeito do município anfitrião do encontro, José Santana (PT) elogiou a iniciativa do Governo e destacou que ninguém melhor que o cidadão para dizer o que é melhor para ele. "Temos que ter essa grandeza. É preciso a gente entender que é nossa obrigação ouvir a população. Se o estado precisa crescer nos próximos anos a hora de planejar agora e é melhor que ouça as pessoas. Elas têm os seus sentimentos. O PPA popular é um gesto de boa gestão", destacou o prefeito.

Quem também pensa assim é a servidora pública Solange Araújo da Silva, que saiu de Nova Olinda, a 50 km de Colinas, para participar das oficinas. Para ela, que pela primeira vez participa de uma discussão como essa, é fundamental abrir esse espaço para o cidadão opinar. "É muito importante ouvir e fazer acontecer o que a população solicita, porque às vezes vendo de longe é uma coisa e quem sente a necessidade no dia a dia é a população. Por isso muito importante nos ouvir", declarou.

Abrangência
Neste, que é o sexto encontro regional do PPA, estão presentes moradores de 18 municípios: Arapoema, Bandeirantes, Bernardo Sayão, Brasilândia, Colinas do Tocantins, Colmeia, Couto de Magalhães, Fortaleza do Tabocão, Goianorte, Guaraí, Itapiratins, Itaporã do Tocantins, Juarina, Pau D'arco, Pequizeiro, Presidente Kenedy, Rio dos Bois e Tupiratins.

O encontro tem como foco a discussão de seis eixos temáticos: Desenvolvimento Agrícola e Meio Ambiente; Desenvolvimento Regional, Urbano e Industrial; Segurança, Assistência Social e Direitos Humanos; Saúde; Gestão Pública; Educação e Conhecimento.

Participação
Juntou-se aos moradores da região, o presidente da Assembleia Legislativa, o deputado estadual Osires Damaso (DEM) e a deputada Amália Santana (PT); o defensor público geral, Marlon Amorin; o procurador geral de Justiça, Clenan Renault de Melo; secretários de estado e outras autoridades locais.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247