Marx pode perder cargos na reforma de Renan Filho

O governador Renan Filho (MDB) é aguardado, após férias, para efetivar mudanças no primeiro escalão antes do início da campanha; uma das pastas que irá mudar é a Secretaria da Mulher, que deverá ser comandada pelo PT; mas a expectativa é com a Secretaria de Meio Ambiente, hoje na cota do PSD; se o ex-ministro do Turismo Marx Beltrão mantiver a candidatura ao Senado, ele deverá entregar a pasta e outros cargos

O governador Renan Filho (MDB) é aguardado, após férias, para efetivar mudanças no primeiro escalão antes do início da campanha; uma das pastas que irá mudar é a Secretaria da Mulher, que deverá ser comandada pelo PT; mas a expectativa é com a Secretaria de Meio Ambiente, hoje na cota do PSD; se o ex-ministro do Turismo Marx Beltrão mantiver a candidatura ao Senado, ele deverá entregar a pasta e outros cargos
O governador Renan Filho (MDB) é aguardado, após férias, para efetivar mudanças no primeiro escalão antes do início da campanha; uma das pastas que irá mudar é a Secretaria da Mulher, que deverá ser comandada pelo PT; mas a expectativa é com a Secretaria de Meio Ambiente, hoje na cota do PSD; se o ex-ministro do Turismo Marx Beltrão mantiver a candidatura ao Senado, ele deverá entregar a pasta e outros cargos (Foto: Voney Malta)

Por Edivaldo  Júnior/Gazetaweb.com - Na volta de suas férias, no próximo dia 26, já se sabe que o governador Renan Filho fará algumas mudanças no primeiro escalão do governo. Será a peneirada final antes do início da campanha eleitoral.

Uma das pastas que vai mudar de titular é a Secretaria da Mulher e Direitos Humanos, que deverá ser comandada por um nome do PT.

Dependendo do alinhamento político, Renan Filho deve mudar mais algumas secretarias. Na “fila” estão pastas como Gabinete Civil e Educação, que ficaram “vagas” após o afastamento dos titulares em função do calendário eleitoral. O governador deve confirmar os nomes atuais ou fazer mudanças em função de ampliação da base ou de ajustes internos na equipe.

A maior expectativa, no momento, é com a Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, que está hoje na cota do PSD.

Se o ex-ministro Marx Beltrão mantiver a candidatura ao Senado, ele deverá entregar a Pasta, além de outros cargos no governo.

Nada que não se saiba. O governador e o deputado federal já conversaram algumas vezes sobre o cenário político e ficou decidido que Marx Beltrão deverá se posicionar nos próximos dias.

A regra valerá para todos os partidos que estão na base do governo. A aliança deverá se dar não apenas na candidatura de governador, mas também nas candidaturas e senador. A formação de chapas proporcionais dentro do grupo terá regras diferentes e deve resultar na formação de duas ou mais chapas de deputado estadual e de deputado federal.

 

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247