"Missão cumprida", diz Putin a atletas após Sochi

Numa cerimônia estatal de premiação a atletas e técnicos nesta segunda-feira, o presidente russo transmitiu "um enorme e cordial obrigado" em nome de milhões de russos, após um evento, que, segundo ele, expôs uma nova cara da Rússia para o mundo

Russian President Vladimir Putin (L) laughs with Russia's gold medallist bobsleigh athlete Alexander Zubkov during the closing ceremony for the 2014 Sochi Winter Olympics, February 23, 2014.            REUTERS/David Goldman/Pool (RUSSIA  - Tags: OLYMPICS
Russian President Vladimir Putin (L) laughs with Russia's gold medallist bobsleigh athlete Alexander Zubkov during the closing ceremony for the 2014 Sochi Winter Olympics, February 23, 2014. REUTERS/David Goldman/Pool (RUSSIA - Tags: OLYMPICS (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Por Alexei Anishchuk

SOCHI, Rússia, 24 Fev (Reuters) - O presidente russo, Vladimir Putin, disse aos atletas do país que eles cumpriram sua missão ao colocar a nação anfitriã no topo do quadro de medalhas da Olimpíada de Inverno de Sochi.

Numa cerimônia estatal de premiação a atletas e técnicos nesta segunda-feira, Putin transmitiu "um enorme e cordial obrigado" em nome de milhões de russos, após um evento, que, segundo ele, expôs uma nova cara da Rússia para o mundo.

A Rússia conquistou 33 medalhas, sendo 13 de ouro, num evento cujo custo foi estimado em mais de 50 bilhões de dólares. Putin, que investiu grande parte do seu prestígio político e pessoal nos Jogos, buscava reforçar o sentimento patriótico que ele vem estimulando desde que voltou à Presidência, em 2012.

"Vocês cumpriram a missão que lhes foi solicitada", disse Putin. "Os resultados obtidos por nossa equipe nacional mostram que deixamos para trás o período difícil na história dos esportes nacionais. Qualquer competição onde os atletas defendem a honra da sua nação é importante e crucial. Mas a responsabilidade que repousava sobre os ombros da equipe nacional era do mais alto nível."

Putin se gaba de ter restaurado a estabilidade da Rússia após o caótico período que se seguiu ao colapso da União Soviética, em 1991, e a Olimpíada de Inverno era parte disso. "Os Jogos em Sochi se destinavam a apresentar a Rússia nova e multifacetada para o mundo", afirmou.

As autoridades do Comitê Olímpico Internacional (COI) elogiaram a organização dos Jogos, que transcorreram sem incidentes graves de segurança - apesar dos temores de que militantes islâmicos do Cáucaso poderiam tentar perturbar o evento.

Durante a fase preparatória, Putin também foi muito criticado por causa da recém-adotada lei russa que proíbe a apologia da homossexualidade para menores, algo que foi apontado por governos ocidentais e ativistas como discriminatório e contrário ao espírito olímpico.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email