Movimentos contra Dilma querem conflito na Paulista nesta sexta

Em ‘manual de orientação’ a manifestantes, contra o ato organizado pelo PT, em apoio ao governo e ao ex-presidente Lula, movimentos contra Dilma Rousseff estimulam a violência: “a orientação é para que todas as pessoas de bem compareçam aos locais públicos e não permita que esses idólatras de corruptos façam dos espaços públicos seus feudos. Vamos nos organizar para invadir Brasília e expulsá-los do poder”, diz trecho 

Em ‘manual de orientação’ a manifestantes, contra o ato organizado pelo PT, em apoio ao governo e ao ex-presidente Lula, movimentos contra Dilma Rousseff estimulam a violência: “a orientação é para que todas as pessoas de bem compareçam aos locais públicos e não permita que esses idólatras de corruptos façam dos espaços públicos seus feudos. Vamos nos organizar para invadir Brasília e expulsá-los do poder”, diz trecho 
Em ‘manual de orientação’ a manifestantes, contra o ato organizado pelo PT, em apoio ao governo e ao ex-presidente Lula, movimentos contra Dilma Rousseff estimulam a violência: “a orientação é para que todas as pessoas de bem compareçam aos locais públicos e não permita que esses idólatras de corruptos façam dos espaços públicos seus feudos. Vamos nos organizar para invadir Brasília e expulsá-los do poder”, diz trecho  (Foto: Roberta Namour)

247 - Um ‘manual de orientação’ divulgado a manifestantes, contra o ato organizado pelo PT, em apoio ao governo e ao ex-presidente Lula, nesta sexta-feira, movimentos contra Dilma Rousseff estimulam a violência:

“A orientação é para que todas as pessoas de bem compareçam aos locais públicos e não permita que esses idólatras de corruptos façam dos espaços públicos seus feudos. Vamos nos organizar para invadir Brasília e expulsá-los do poder”, diz trecho.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247