Nova PEC que extingue TCM é "um desrespeito ao STF", diz Domingos Filho

O presidente do Tribunal de Contas dos Municípios do Ceará (TCM), Domingos Filho, criticou a nova tentativa de extinguir o órgão, que tramita na Assembleia Legislativa do Ceará. Para ele, a nova PEC, de autoria do deputado estadual Heitor Férrer (PSB), “é um desrespeito à presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Carmen Lúcia”, que deferiu liminar, em dezembro do ano passado, proibindo a extinção do órgão

O presidente do Tribunal de Contas dos Municípios do Ceará (TCM), Domingos Filho, criticou a nova tentativa de extinguir o órgão, que tramita na Assembleia Legislativa do Ceará. Para ele, a nova PEC, de autoria do deputado estadual Heitor Férrer (PSB), “é um desrespeito à presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Carmen Lúcia”, que deferiu liminar, em dezembro do ano passado, proibindo a extinção do órgão
O presidente do Tribunal de Contas dos Municípios do Ceará (TCM), Domingos Filho, criticou a nova tentativa de extinguir o órgão, que tramita na Assembleia Legislativa do Ceará. Para ele, a nova PEC, de autoria do deputado estadual Heitor Férrer (PSB), “é um desrespeito à presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Carmen Lúcia”, que deferiu liminar, em dezembro do ano passado, proibindo a extinção do órgão (Foto: Rodrigo Rocha)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Ceará 247 - O presidente do Tribunal de Contas dos Municípios do Ceará (TCM), Domingos Filho, criticou a nova tentativa de extinguir o órgão, que tramita na Assembleia Legislativa através de Proposta de Emenda Constitucional (PEC) de autoria do deputado estadual Heitor Férrer (PSB). De acordo com ele, a nova PEC é “é um desrespeito à presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Carmen Lúcia”, declarou, em entrevista ao jornalista Luiz Viana, da Rádio O Povo/CBN. 

Em dezembro do ano passado, Carmem Lúcia deferiu liminar que suspendia a primeira Emenda aprovada pelos deputados estaduais que extinguiu o órgão. Domingos Filho disse ainda que, mesmo com aprovação em primeiro turno no Senado, na última terça (30), de outra PEC que proíbe a extinção dos tribunais de contas, os deputados estaduais “estão acelerando o passo” para aprovar o fim do TCM antes que essa proposta passe no Congresso. 

(Com informações do Blog Política do jornal O Povo)

 

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247