Pai da depressão econômica, Aécio fala em herança maldita

Depois de se aliar a Eduardo Cunha para jogar o País no caos, o senador Aécio Neves (PSDB-MG) fala em herança maldita ao promover, no Facebook, seu artigo sobre economia; a realidade, no entanto, mostra que o PIB brasileiro caiu quase 10% nos dois anos do golpe: 5% em 2015, quando Aécio e Cunha sabotaram o País, e 3,5% em 2016, quando Michel Temer e Henrique Meirelles aprofundaram a recessão

Aécio
Aécio (Foto: Gisele Federicce)

Minas 247 - O senador Aécio Neves (PSDB-MG), idealizador do golpe contra Dilma junto com Eduardo Cunha, falou em herança maldita ao promover pelo Facebook um artigo seu sobre economia.

"Foram três dos piores anos da história econômica do país. Hoje sabemos que a herança era bem mais maldita do que se imaginava. Mas, finalmente, os sinais de melhora começam a despontar aqui e acolá, reavivando a esperança na população. No entanto, ainda são apenas os primeiros passos de uma longa jornada. Existem 13 milhões de pessoas que precisam ser empregadas", diz a postagem do tucano.

A realidade, no entanto, mostra que o PIB brasileiro caiu quase 10% nos dois anos do golpe: 5% em 2015, quando Aécio e Cunha sabotaram o País, e 3,5% em 2016, quando Michel Temer e Henrique Meirelles aprofundaram a recessão.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247