PMDB abre diálogo com Jovair para eleição de 2016

Partido de oposição ao governo estadual, que pretende relançar Iris Rezende na disputa à Prefeitura de Goiânia em 2016, quer incorporar o líder petebista ao seu projeto; encontro com Jovair, cujo partido integra a base aliada do governo Marconi Perillo (PSDB), aconteceu no escritório político de Armando Vergílio, ex-aliado do tucano; o deputado federal disse aos peemedebistas que o PTB está aberto à conversações, já que o partido não tem compromissos definidos em relação às eleições municipais do ano que, nem mesmo com o PSDB marconista; peemedebistas e petebistas voltarão a conversar no segundo semestre

Partido de oposição ao governo estadual, que pretende relançar Iris Rezende na disputa à Prefeitura de Goiânia em 2016, quer incorporar o líder petebista ao seu projeto; encontro com Jovair, cujo partido integra a base aliada do governo Marconi Perillo (PSDB), aconteceu no escritório político de Armando Vergílio, ex-aliado do tucano; o deputado federal disse aos peemedebistas que o PTB está aberto à conversações, já que o partido não tem compromissos definidos em relação às eleições municipais do ano que, nem mesmo com o PSDB marconista; peemedebistas e petebistas voltarão a conversar no segundo semestre
Partido de oposição ao governo estadual, que pretende relançar Iris Rezende na disputa à Prefeitura de Goiânia em 2016, quer incorporar o líder petebista ao seu projeto; encontro com Jovair, cujo partido integra a base aliada do governo Marconi Perillo (PSDB), aconteceu no escritório político de Armando Vergílio, ex-aliado do tucano; o deputado federal disse aos peemedebistas que o PTB está aberto à conversações, já que o partido não tem compromissos definidos em relação às eleições municipais do ano que, nem mesmo com o PSDB marconista; peemedebistas e petebistas voltarão a conversar no segundo semestre (Foto: Realle Palazzo-Martini)

247 - Em busca de revigoramento, depois de perder cinco eleições sucessivas para o governo de Goiás, o PMDB, por iniciativa da bancada estadual, iniciou uma série de conversações com partidos de oposição, com o objetivo de buscar alianças visando o pleito municipal de 2016 em todo o Estado.

A primeira conversa dos peemedebistas foi com o senador e presidente estadual do DEM, Ronaldo Caiado, parceiro das eleições do ano passado. O ex-prefeito Iris Rezende participou da reunião, realizada em seu apartamento, no Setor Marista. O segundo contato dos deputados estaduais foi feito com o ex-governador e prefeito de Aparecida de Goiânia, Maguito Vilela.

Os deputados José Nelto e Bruno Peixoto juntamente com os vereadores Paulo Borges e Denício Trindade reuniram-se, segunda-feira, com o deputado federal Lucas Vergílio e seu pai, ex-deputado federal e presidente estadual do Partido Solidariedade, e também com o deputado federal e presidente estadual do PTB, Jovair Arantes. A surpresa foi a presença de Jovair, já que os petebistas integram a base aliada do governo Marconi Perillo. O encontro ocorreu no escritório político de Armando Vergílio.

Jovair Arantes disse aos peemedebistas que o PTB está aberto à conversações, já que o partido não tem compromissos definidos em relação às eleições municipais do ano que, nem mesmo com o PSDB marconista. Peemedebistas e petebistas voltarão a conversar no segundo semestre deste ano.

PMDB e Solidariedade acertaram que, nas eleições para prefeito, em 2016, o partido que tiver melhor candidato, em determinada cidade, sai na cabeça de chapa. “Foi uma conversa proveitosa com o Solidariedade, pois já caminhamos juntos nas eleições do ano passado. Acertamos com Lucas e Armando que o PMDB e Solidariedade farão alianças na disputa pelas prefeituras”, disse o deputado José Nelto ao DM.

O presidente estadual do Solidariedade (SD), Armando Vergílio afirma que o partido foi procurado pela executiva do PMDB, pelos deputados José Nelto, Bruno Peixoto e também vereadores para discutir acerca das alianças para as eleições de 2016. Armando Vergílio salienta que há o entendimento para que o diálogo possa continuar durante o ano. O presidente diz que o Solidariedade está receptivo com o PMDB, porém também já foi procurado por demais partidos.

Armando Vergílio ainda afirma que uma reunião no final de março ou no início de abril do partido deverá ser realizada para estruturar alguns posicionamentos da legenda. O presidente ainda agradece a lembrança preferencial do PMDB e afirma que o Solidariedade terá candidatos próprios em vários municípios e também não descarta a Capital.

Semana que vem, os deputados estaduais do PMDB terão encontro com os dirigentes do PCdoB, PRP, PPL e PRTB também para discutir a formação de um bloco oposicionista visando as eleições municipais do próximo ano.

José Nelto diz a direção estadual e os deputados vão se reunir, em seguida, com os dirigentes e parlamentares do PT. “Nesta tarefa de união a oposição em Goiás, não podemos excluir nenhum partido. Vamos conversar com o PT sobre as eleições municipais, Sabemos ser difícil colocar no mesmo palanque o DEM e o PT em Goiás, mas vamos conversar até onde for possível”, ressaltou José Nelto.

Os deputados estaduais voltaram a conversar com o ex-governador e o prefeito de Aparecida de Goiânia, Maguito Vilela, sobre a união da oposição. (Helton Lenine)

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247