Polícia de SP reprime manifestação de estudantes

Polícia Militar usou bombas de efeito moral e spray de pimenta para dispersar uma manifestação de estudantes contra a reorganização da rede estadual de São Paulo, que deve fechar 93 unidades de ensino, na noite desta terça-feira, 1º, na Avenida 9 de Julho, região central da capital; a Tropa de Choque avançou em direção ao protesto e pelo menos quatro pessoas foram detidas

www.brasil247.com - Polícia Militar usou bombas de efeito moral e spray de pimenta para dispersar uma manifestação de estudantes contra a reorganização da rede estadual de São Paulo, que deve fechar 93 unidades de ensino, na noite desta terça-feira, 1º, na Avenida 9 de Julho, região central da capital; a Tropa de Choque avançou em direção ao protesto e pelo menos quatro pessoas foram detidas
Polícia Militar usou bombas de efeito moral e spray de pimenta para dispersar uma manifestação de estudantes contra a reorganização da rede estadual de São Paulo, que deve fechar 93 unidades de ensino, na noite desta terça-feira, 1º, na Avenida 9 de Julho, região central da capital; a Tropa de Choque avançou em direção ao protesto e pelo menos quatro pessoas foram detidas (Foto: Roberta Namour)


247 - A Polícia Militar usou bombas de efeito moral e spray de pimenta para dispersar uma manifestação de estudantes contra a reorganização da rede estadual de São Paulo, que deve fechar 93 unidades de ensino, na noite desta terça-feira, 1º, na Avenida 9 de Julho, região central da capital.

A manifestação começou por volta das 18h, quando os estudantes interditaram a via, próximo à Ponte Júlio de Mesquita. A Tropa de Choque avançou em direção ao protesto e pelo menos quatro pessoas foram detidas.

Um outro protesto de alunos da Escola Estadual Professor Silvio Xavier Antunes, na Zona Norte, fechou a pista local da Marginal Tietê, na altura da Ponte do Piqueri, na manhã desta terça-feira (1º) em São Paulo.

Em nota, a Secretaria da Segurança Pública disse que a corporação tentava "evitar o confronto entre motoristas que avançaram contra os manifestantes que bloqueavam a via".

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email