Prefeitura de São Paulo dobra gasto com publicidade e privilegia vitrines de Doria

Em pleno ano eleitoral, a prefeitura de São Paulo, administrada por Bruno Covas, dobrou o gasto com publicidade e deu prioridade a campanhas de programas que são vitrines de João Doria (PSDB), em detrimento de ações de divulgação da reforma da previdência, educação e contra a proliferação de doenças por mosquitos

Prefeitura de São Paulo dobra gasto com publicidade e privilegia vitrines de Doria
Prefeitura de São Paulo dobra gasto com publicidade e privilegia vitrines de Doria (Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Em pleno ano eleitoral, a prefeitura de São Paulo, administrada por Bruno Covas, dobrou o gasto com publicidade e deu prioridade a campanhas de programas que são vitrines de João Doria (PSDB), em detrimento de ações de divulgação da reforma da previdência, educação e contra a proliferação de doenças por mosquitos.

"Doria deixou a prefeitura para concorrer ao governo estadual em abril, quando passou a rodar o interior do estado. Na plataforma de campanha, ele promete levar programas da capital para o resto de São Paulo. A gestão do prefeito Bruno Covas (PSDB) diz que a prefeitura seguiu a lei, com campanhas informativas que não fazem menção ao ex-prefeito. No primeiro semestre deste ano, sob Doria e Covas, a administração direta da capital gastou R$ 73,8 milhões em publicidade, contra R$ 36,3 milhões no ano passado, em valores corrigidos --variação de 103%.

(...)

A principal aposta da gestão tucana, o programa Asfalto Novo,consumiu R$ 28,9 milhões (39% do total). A ação foi mote de massiva campanha, com inserções em TV aberta e paga, rádio, jornais, internet e até cinema. 'Agora, São Paulo tem a maior ação de asfaltamento dos últimos anos', diz a peça publicitária divulgada na televisão, também reproduzida em rede social do ex-prefeito. A segunda campanha mais cara para os cofres municipais foi a prestação de contas de um ano de gestão (R$ 19 milhões), veiculada nos principais canais da TV aberta. 

Leia mais aqui

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247