Pró-golpe, Ana Amélia pede renúncia de Temer

A delação da JBS mostra o quanto a base de Michel Temer está fragilizada; a senadora Ana Amália (PP-RS), que votou a favor do golpe contra Dilma Rousseff, pediu a renúncia do peemedebista; "Temer deve renunciar para apressar o desfecho da gravíssima crise", disse ela no Twitter

Plenário do Senado durante sessão deliberativa extraordinária.

Em discurso, senadora Ana Amélia (PP-RS).

Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado
Plenário do Senado durante sessão deliberativa extraordinária. Em discurso, senadora Ana Amélia (PP-RS). Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado (Foto: Leonardo Lucena)

Rio Grande do Sul 247 - A delação da JBS mostra o quanto a base de Michel Temer está fragilizada. A senadora Ana Amália (PP-RS), que votou a favor do golpe contra Dilma Rousseff, pediu a renúncia do peemedebista. 

"A sociedade está perplexa e atônita. Temer deve renunciar para apressar o desfecho da gravíssima crise. A régua moral e a lei são iguais para todos. A saída precisa ser constitucional", disse ela, em post publicado no Twitter.

Segundo os donos da JBS, os empresários Joesley Batista e seu irmão Wesley, Temer indicou o deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR) para resolver um assunto da J&F (holding que controla a JBS).

Depois, o parlamentar foi filmado recebendo uma mala com R$ 500 mil enviados por Joesley. O empresário disse a Temer que estava dando ao ex-deputado federal Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e ao operador Lúcio Funaro uma mesada na prisão para ficarem calados. Diante da informação, Temer incentivou: "Tem que manter isso, viu?". O teor das delações foi publicado pelo colunista Lauro Jardim, do Globo.

Em nota, Temer disse que "jamais" solicitou pagamentos para obter o silêncio de Cunha e negou ter participado ou autorizado "qualquer movimento" para evitar delação do correligionário.

Por meio de sua assessoria, o deputado Rodrigo Rocha Loures informou que ele que vai "esclarecer os fatos divulgados" sobre a delação.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247