PSB quer acompanhar intervenção federal no Rio

O deputado federal JHC (PSB-AL) protocolou um requerimento para criação da Comissão Externa Temporária para acompanhar e fiscalizar in loco a intervenção federal no Rio de Janeiro; “Fiz questão de propor essa comissão porque é preciso haver uma fiscalização intensa e responsável sobre o andamento dessa medida”, afirmou o parlamentar; ou seja, a intervenção no Rio feita com objetivos políticos pelo presidente Temer, em ano eleitoral, também pode ser usada por parlamentares

JHC
JHC (Foto: Voney Malta)

Por Vanessa Alencar/Cada Minuto - O deputado federal JHC (PSB), que presidiu parte da sessão desta madrugada na Câmara, onde foi aprovado o decreto de intervenção federal na segurança pública do Rio de Janeiro, protocolou um requerimento para criação da Comissão Externa Temporária para acompanhar e fiscalizar in loco a intervenção federal.

Por meio de sua assessoria de Comunicação, o parlamentar destacou que a medida, excepcional, só foi utilizada porque o Estado não possuía mais condições de resolver a crise.  

“Votei a favor diante da urgência de apresentar soluções aos cariocas, mas fiz questão de propor essa comissão porque é preciso haver uma fiscalização intensa e responsável sobre o andamento dessa medida”, afirmou.

Ao falar sobre os índices de violência em Alagoas, o deputado disse que aqui também há um esgotamento dos recursos de segurança pública: “Ao cabo da intervenção, os resultados devem ser analisados para estudar a possibilidade de replicar esse modelo em outras regiões do país”,  concluiu JHC.

Independente dos resultados obtidos no Rio, justamente pelo fato de ser uma medida excepcional – como disse o próprio deputado – uma intervenção federal não deve ser tratada como rotineira, natural ou produto de importação

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247