‘Reforma da Previdência tira o sangue do povo brasileiro’, diz Kátia Abreu

Senadora Kátia Abreu (PMDB-TO) afirmou que a CPI da Previdência tem o objetivo de esclarecer o verdadeiro rombo existente nas contas da Previdência Social; “Essa CPI da previdência não tem objetivo especifico de buscar corrupção, o que nós queremos é conhecer o tamanho verdadeiro do rombo da Previdência. A população brasileira merece isso”, disse; “Não tem importância fazer reforma, desde que conheçamos os valores e os números e façamos alterações razoáveis e que tirem apenas o suor e não o sangue da população brasileira”; assista

Senadora Kátia Abreu (PMDB-TO) informa que marcou audiência no Ministério da Saúde para discutir a situação da maternidade Dona Regina, em Palmas, fechada pelos próprios médicos por falta de condições de funcionamento
Senadora Kátia Abreu (PMDB-TO) informa que marcou audiência no Ministério da Saúde para discutir a situação da maternidade Dona Regina, em Palmas, fechada pelos próprios médicos por falta de condições de funcionamento (Foto: Leonardo Lucena)

Tocantins 247 - A senadora Kátia Abreu (PMDB-TO) afirmou nessa quarta-feira (15) que a CPI da Previdência tem o objetivo de esclarecer o verdadeiro rombo existente nas contas da Previdência Social. Ela assinou o requerimento pela criação do colegiado.

“Essa CPI da previdência não tem objetivo especifico de buscar corrupção, o que nós queremos é conhecer o tamanho verdadeiro do rombo da Previdência. A população brasileira merece isso”, disse a parlamentar em plenário.

Kátia Abreu destacou ainda que outros presidentes da República já fizeram reformas da Previdência no passado. “Não tem importância fazer reforma, desde que conheçamos os valores e os números e façamos alterações razoáveis e que tirem apenas o suor e não o sangue da população brasileira”, disse. “É justo com a população e com o Congresso Nacional, até para fazermos uma reforma adequada”, completou.

A criação da CPI, de autoria do senador Paulo Paim (PT-RS), depende de apoio de ao menos 27 senadores. Até o momento, o parlamentar já coletou 47 assinaturas. O objetivo é fazer uma radiografia dos números da Previdência dos últimos 20 anos.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247