Renan pede à oposição que não dê quórum a Temer

Em vídeo, senador Renan Calheiros (PMDB-AL) manda recado aos deputados de oposição no dia em que está marcada para acontecer a votação da segunda denúncia contra Temer na Câmara; "Contribuir com sua presença para o quórum será um erro, porque vai desobstruir a pauta para que essas crueldades contra a população continuem", diz ele; assista

Em vídeo, senador Renan Calheiros (PMDB-AL) manda recado aos deputados de oposição no dia em que está marcada para acontecer a votação da segunda denúncia contra Temer na Câmara; "Contribuir com sua presença para o quórum será um erro, porque vai desobstruir a pauta para que essas crueldades contra a população continuem", diz ele; assista
Em vídeo, senador Renan Calheiros (PMDB-AL) manda recado aos deputados de oposição no dia em que está marcada para acontecer a votação da segunda denúncia contra Temer na Câmara; "Contribuir com sua presença para o quórum será um erro, porque vai desobstruir a pauta para que essas crueldades contra a população continuem", diz ele; assista (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Alagoas 247 - O senador Renan Calheiros (PMDB-AL) publicou um vídeo com um recado aos deputados de oposição nesta quarta-feira 25, dia em que está prevista para acontecer a votação da segunda denúncia contra Michel Temer e dois de seus ministros na Câmara dos Deputados.

"Hoje não devo falar mais aos deputados saciados pelo mercado do Temer. Falo aos de oposição, que entendem que todos devem ser investigados", diz Renan.

"Contribuir com sua presença para o quórum será um erro, porque vai desobstruir a pauta para que essas crueldades contra a população continuem", completa o senador.

A estratégia da oposição é exatamente essa: não comparecer à sessão aberta no plenário para que não haja quórum suficiente para a votação.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247