Robinson diz que ACM pressiona Temer a barrar empréstimo para Bahia

O deputado federal baiano Robinson Almeida (PT) diz que o prefeito ACM Neto (DEM) "quer inviabilizar" o empréstimo de R$ 600 milhões que o Governo do Estado contratou no Banco Internacional para recuperação de estradas, educação e infraestrutura; "No estilo da perseguição do seu grupo político, Neto, aliado de primeira hora do presidente golpista, pressionou Temer para segurar os recursos do povo da Bahia", diz Robinson; ele explica que há uma semana foi assinado o pedido de desembolso do empréstimo, última medida para o dinheiro ser depositado na conta do Governo da Bahia, mas até agora nada aconteceu

Robinson Almeida
Robinson Almeida (Foto: Romulo Faro)

Bahia 247 - O deputado federal baiano Robinson Almeida (PT) diz que o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), "quer inviabilizar" o empréstimo de R$ 600 milhões que o Governo do Estado contratou no Banco Internacional para recuperação de estradas, educação e infraestrutura.

"No estilo da perseguição do seu grupo político, Neto, aliado de primeira hora do presidente golpista, pressionou Temer para segurar os recursos do povo da Bahia", diz Robinson. Ele explica que há uma semana foi assinado o pedido de desembolso do empréstimo, última medida para o dinheiro ser depositado na conta do Governo da Bahia, mas até agora nada aconteceu.

"Com a proximidade do envio de nova denúncia pelo MP, Temer vai precisar comprar apoio político pra se livrar de ser investigado pelo STF. Por isso, usa o bloqueio do empréstimo para obter o apoio dos deputados liderados de Neto na votação na Câmara", afirma o deputado.

Para Robinson, ACM Neto "age na contramão do que afirma em seus discursos". "Neto, que prega a renovação, usa os métodos mais antigos de fazer política. Ao perseguir Rui, Neto e Temer prejudicam todo o povo baiano".

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247