Saiba as táticas para conquistar seguidores

Mais do que clientes, uma empresa que visa causar impacto precisa de “seguidores”, pessoas que acreditem e compartilhem dos seus valores e façam questão de mostrar para o mundo com orgulho que usam o seu produto ou serviço; um das três dicas para driblar este cenário é encontrar um público carente; não procure competir para “roubar clientes felizes”, ao invés disso seu foco deve ser encontrar um público abandonado pelos seus competidores

Mais do que clientes, uma empresa que visa causar impacto precisa de “seguidores”, pessoas que acreditem e compartilhem dos seus valores e façam questão de mostrar para o mundo com orgulho que usam o seu produto ou serviço; um das três dicas para driblar este cenário é encontrar um público carente; não procure competir para “roubar clientes felizes”, ao invés disso seu foco deve ser encontrar um público abandonado pelos seus competidores
Mais do que clientes, uma empresa que visa causar impacto precisa de “seguidores”, pessoas que acreditem e compartilhem dos seus valores e façam questão de mostrar para o mundo com orgulho que usam o seu produto ou serviço; um das três dicas para driblar este cenário é encontrar um público carente; não procure competir para “roubar clientes felizes”, ao invés disso seu foco deve ser encontrar um público abandonado pelos seus competidores (Foto: Leonardo Lucena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

João Vitor Chaves Silva, StartSe - Mais do que clientes, uma empresa que visa causar impacto precisa de “seguidores”, pessoas que acreditem e compartilhem dos seus valores e façam questão de mostrar para o mundo com orgulho que usam o seu produto ou serviço.

Contudo, não é algo simples conseguir criar esse tipo de relacionamento com seu público, mas nesse post irei dar 3 dicas sobre como você pode fazer para conquistar esse tipo de cliente para o seu negócio desde o principio.

1 Encontraram um público carente

Por maior que seja o seu público e por mais competitivo que seja o seu mercado, sempre irá existir um nicho dentro dele que não se sente realmente representado e atendido pelas opções atuais e é exatamente atrás desse nicho que você deve ir. Essa é a ideia por trás da metodologia do Oceano Azul, bem como uma das “crenças” de Peter Tiel (co fundador do Paypal junto em conjunto com Elon Musk) como explico nesse post sobre competição. Não procure competir para “roubar clientes felizes”, ao invés disso seu foco deve ser encontrar um público abandonado pelos seus competidores.

O conceito é bem simples: Encontre um público cujas necessidades não estejam sendo atendidas pelas soluções disponíveis hoje. São exatamente essas pessoas que em um primeiro momento possuem maiores chances de adotares a solução que seu negócio se propõe a entregar.

Uma vez que você encontre e atenda de forma primorosa esse público, as chances são de que ele passe a advogar você, sua empresa e sua marca. No começo do seu negócio, você não precisa de muitos clientes, você precisa de clientes muito felizes e satisfeitos, que vão fazer barulho divulgando o seu produto.

2 Crie uma “marca forte”

Politico fazem isso, marcas famosas fazem isso e definitivamente você deveria fazer isso: Crie uma presença “poderosa” para o seu público. No mundo atual com a economia compartilhada as pessoas não compram somente produtos, mas sim os valores que sua marca carrega e representa. Deixe esses valores claros, faça com que sejam os mesmos do seu público e ganhe a confiança deles.

Ao fazer isso e trabalhar para passar uma imagem de coerência e consistência para o seu público, você vai aumentar a confiança que seus clientes depositam em você. Eles se sentirão mais a seguros para comprar produtos e serviços com valores que podem comprometer uma maior parte do seu orçamento e claro, ficam mais a vontade para te recomendar à algum amigo, pois confiam que você irá manter o nível de qualidade que gerou a recomendação.

3 Mantenha o foco em quem te apoia

A construção de um relacionamento com seu público alvo é algo muito importante para empresas, não é atoa que grandes companhias gastam milhares ou até milhões de reais ou dólares em campanhas de marketing “Humanizado” ou mantendo times dedicados para interagir com clientes em suas redes sociais. Mostrar para o seu público que você está ali para atender quando eles precisarem, é algo muito poderoso.

Por outro lado, em seu negócio você não pode simplesmente ignorar as criticas recebidas, você precisa entender a origem dessas criticas e trabalhar para reduzir o volume, porém não deixe que isso te impeça de trabalhar o relacionamento com quem está feliz com o seu negócio.

Espero que com esse post você consiga pensar em alguns pontos cruciais para começar a conquistar clientes leais para o seu negócio logo em sua fase inicial e lembre-se de pensar nos seus primeiros clientes não somente como alguém que vai te gerar valor financeiro ao comprar o que você vende, mas também como alguém que pode gerar um valor ainda maior, ao falar bem de você e trazer novos clientes.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247