Sandoval diz que só paga obra depois de concluída

Durante reunião em Palmeirópolis, na noite dessa segunda-feira, 9, o governador Sandoval Cardoso, candidato à reeleição pela coligação "A mudança que a gente vê", afirmou que não permite o pagamento de obras sem que elas estejam concluídas; Sandoval se referiu à enxurrada de ações do Ministério Público Estadual contra o ex-governador Marcelo Miranda, candidato ao Governo da coligação "A experiência faz a mudança", por pagamentos do contrato 403/98; "No meu Governo a obra só é paga quando fica pronta. Ao contrário do que aconteceu no governo do meu adversário, que já pagou pontes e estradas duas vezes e não entregou o benefício para o povo. Onde foi parar esse dinheiro?", questionou

Durante reunião em Palmeirópolis, na noite dessa segunda-feira, 9, o governador Sandoval Cardoso, candidato à reeleição pela coligação "A mudança que a gente vê", afirmou que não permite o pagamento de obras sem que elas estejam concluídas; Sandoval se referiu à enxurrada de ações do Ministério Público Estadual contra o ex-governador Marcelo Miranda, candidato ao Governo da coligação "A experiência faz a mudança", por pagamentos do contrato 403/98; "No meu Governo a obra só é paga quando fica pronta. Ao contrário do que aconteceu no governo do meu adversário, que já pagou pontes e estradas duas vezes e não entregou o benefício para o povo. Onde foi parar esse dinheiro?", questionou
Durante reunião em Palmeirópolis, na noite dessa segunda-feira, 9, o governador Sandoval Cardoso, candidato à reeleição pela coligação "A mudança que a gente vê", afirmou que não permite o pagamento de obras sem que elas estejam concluídas; Sandoval se referiu à enxurrada de ações do Ministério Público Estadual contra o ex-governador Marcelo Miranda, candidato ao Governo da coligação "A experiência faz a mudança", por pagamentos do contrato 403/98; "No meu Governo a obra só é paga quando fica pronta. Ao contrário do que aconteceu no governo do meu adversário, que já pagou pontes e estradas duas vezes e não entregou o benefício para o povo. Onde foi parar esse dinheiro?", questionou (Foto: Aquiles Lins)

Tocantins 247 - O governador Sandoval Cardoso, candidato à reeleição pela coligação "A mudança que a gente vê", disse na noite desta segunda-feira, 8, durante uma grande reunião realizada em Palmeirópolis, que não permite o pagamento de obras sem que as mesmas estejam concluídas, como já ocorreu em governos passados.

Segundo informações da coligação, Sandoval Cardoso afirmou que um dos motivos por viajar de carro é para fiscalizar o andamento das obras de recuperação de rodovias e a construção das novas estradas.

"No meu Governo a obra só é paga quando fica pronta. Ao contrário do que aconteceu no governo do meu adversário, que já pagou pontes e estradas duas vezes e não entregou o benefício para o povo. Onde foi parar esse dinheiro? Eu acompanho tudo de perto. Viajo de carro para fiscalizar as obras, principalmente das rodovias", disse.

Sandoval disse ainda que os tocantinenses estão "abrindo os olhos" e entendendo que o povo é a "vítima" dos desmandos e dos desvios de recursos públicos ocorridos na gestão do ex-governador Marcelo Miranda, candidato a governador da coligação "A experiência faz a mudança".

Sandoval relatou ainda as realizações de seu Governo em apenas cinco meses de gestão e apresentou o planejamento para a realização de novas obras, como a rodovia que liga Palmeirópolis a Minaçu-GO. "O recurso já está em conta, faltando apenas concluir a licitação. Tenho certeza que no ano que vem estaremos aqui inaugurando essa obra", afirmou.

Ainda nesta segunda-feira, o governador Sandoval Cardoso participou da missa alusiva ao dia de Nossa Senhora da Natividade, em Natividade, e de carreata em São Salvador.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247