Sandoval: oposição espalha boatos por não ter propostas

O governador Sandoval Cardoso, candidato à reeleição pela coligação "A mudança que a gente vê" visitou empresas do distrito industrial de Araguaína, na manhã desta sexta-feira, 5; funcionária de um empresa visitada comentou que em seu bairro é contado que Sandoval não terminaria a gestão e passaria o governo ao ex-senador Eduardo Siqueira Campos, candidato a deputado estadual; "Nunca fui mandado e nem fui seguidor de nenhum grupo político. Nunca fui eleito na base do Siqueira, e quando o Marcelo deixou o Siqueira e foi para o PMDB, lá eu já estava. Então, tudo isso não passa de fofoca de quem não tem proposta e não tem serviço pra mostrar", reagiu; Sandoval voltou a pedir que os eleitores comparem o governo de Marcelo Miranda com o dele

O governador Sandoval Cardoso, candidato à reeleição pela coligação "A mudança que a gente vê" visitou empresas do distrito industrial de Araguaína, na manhã desta sexta-feira, 5; funcionária de um empresa visitada comentou que em seu bairro é contado que Sandoval não terminaria a gestão e passaria o governo ao ex-senador Eduardo Siqueira Campos, candidato a deputado estadual; "Nunca fui mandado e nem fui seguidor de nenhum grupo político. Nunca fui eleito na base do Siqueira, e quando o Marcelo deixou o Siqueira e foi para o PMDB, lá eu já estava. Então, tudo isso não passa de fofoca de quem não tem proposta e não tem serviço pra mostrar", reagiu; Sandoval voltou a pedir que os eleitores comparem o governo de Marcelo Miranda com o dele
O governador Sandoval Cardoso, candidato à reeleição pela coligação "A mudança que a gente vê" visitou empresas do distrito industrial de Araguaína, na manhã desta sexta-feira, 5; funcionária de um empresa visitada comentou que em seu bairro é contado que Sandoval não terminaria a gestão e passaria o governo ao ex-senador Eduardo Siqueira Campos, candidato a deputado estadual; "Nunca fui mandado e nem fui seguidor de nenhum grupo político. Nunca fui eleito na base do Siqueira, e quando o Marcelo deixou o Siqueira e foi para o PMDB, lá eu já estava. Então, tudo isso não passa de fofoca de quem não tem proposta e não tem serviço pra mostrar", reagiu; Sandoval voltou a pedir que os eleitores comparem o governo de Marcelo Miranda com o dele (Foto: Aquiles Lins)

Tocantins 247 - O governador Sandoval Cardoso, candidato à reeleição pela coligação "A mudança que a gente vê" visitou empresas do distrito industrial de Araguaína, nessa sesta sexta-feira, 5, se reuniu com empresários, funcionários e apresentou suas propostas para incrementar o setor para fortalecer ainda mais a economia do Estado.

Sandoval Cardoso afirmou que a revitalização do Distrito Industrial de Araguaína (DAIARA) é uma de suas prioridades. "Assim como estamos fazendo em Palmas, Gurupi e Paraíso, vamos revitalizar o Distrito Industrial de Araguaína, com recuperação e implantação do asfalto, rede elétrica, enfim, a infraestrutura necessária para que novas empresas se instalem aqui e as que já estão possam crescer", afirmou.

Sandoval disse ainda que com mais empresas será possível o Estado rever a carga tributária. "O que eu quero são mais empresas pagando menos impostos e gerando mais empregos", frisou. O governador Sandoval Cardoso disse aos funcionários das empresas que quer o tocantinense ocupando os melhores empregos e para isso já está construindo em Araguaína duas escolas de tempo integral para 1.500 alunos.

Boato

Em uma das visitas, Sandoval foi questionado por uma funcionária da empresa visitada. Segundo ela, em seu bairro corre o boato que o governador não concluiria seu mandato na íntegra, passando o Governo para o ex-senador Eduardo Siqueira, candidato a deputado estadual. 

Sandoval respondeu: "Sou independente desde os 18 anos, construí minha vida e minha família em uma base muito sólida. Nunca fui mandado e nem fui seguidor de nenhum grupo político. Nunca fui eleito na base do Siqueira, e quando o Marcelo deixou o Siqueira e foi para o PMDB, lá eu já estava. Então, tudo isso não passa de fofoca de quem não tem proposta e não tem serviço para mostrar. O Siqueira afastou porque ele tem 87 anos e entendeu que esse era o momento de abrir espaço para a renovação. Eu tenho 37 anos e um futuro enorme pela frente, se eu fizesse algo desse tipo seria o fim da minha carreira política. Então isso não tem nenhum cabimento. De mim esperem o máximo de empenho e muito trabalho, porque vou cumprir os quatro anos de mandato e serei o melhor Governador da história desse Estado", explicou Sandoval.

Comparação

Sandoval pediu ainda aos araguainenses que comparem os candidatos, segundo ele, nunca em uma eleição no Tocantins dois postulantes foram tão diferentes. "Já estou comprovando minha capacidade de trabalhar, as obras estão acontecendo e o Estado avançando. Além de ser o novo, sou o candidato que tem serviço pra mostrar e não respondo a nenhum processo. Já outro candidato está preso ao passado e todo enrolado com a Justiça, por ser acusado de desviar recursos públicos". E complementou. "Na política, assim como na iniciativa privada, a gente tem que contratar sempre aquele funcionário que dá bons resultados e não aquele que atrapalha a empresa e só dá prejuízo", finalizou.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247